Partilhar

Insetos voadores: nomes, características e fotos

 
Por Giselly Lillmans. 31 dezembro 2019
Insetos voadores: nomes, características e fotos

Existem milhões de insetos no planeta. Eles constituem o maior grupo de seres vivos e apresentam características muito variadas, embora compartilhem algumas peculiaridades, como o fato de serem animais com exoesqueleto.

Embora nem todos o façam, muitos insetos são capazes de voar. Você sabe dizer alguns deles? Se não souber, conheça os diferentes tipos de insetos voadores, seus nomes, características e fotos neste artigo do PeritoAnimal. Continue lendo!

Também lhe pode interessar: Tipos de besouros: características e fotos

Características dos insetos voadores

Os insetos são os únicos invertebrados que têm asas. O aparecimento delas ocorreu quando as placas dorsais do tórax se expandiram. Originalmente elas serviam apenas para planar, mas ao longo dos séculos se desenvolveram para permitir que esses animais voassem. Graças à elas, os insetos são capazes de se deslocar, encontrar comida, fugir de predadores e acasalar.

O tamanho, a forma e a textura das asas dos insetos são tão diferentes que não há uma maneira única de classificá-las. No entanto, as asas compartilham algumas particularidades:

  • As asas se apresentam em números pares;
  • Estão localizadas no mesotórax e metatórax;
  • Algumas espécies as perdem quando chegam na idade adulta, ou quando correspondem a indivíduos estéreis;
  • São formadas pela união de uma membrana superior e uma inferior;
  • Possuem veias ou nervuras;
  • O interior das asas tem nervos, traqueias e hemolinfa.

Além de serem animais com exoesqueleto e asas, os insetos voadores podem ser muito diferentes entre si, pois são classificados em grupos diferentes e cada um deles possui características próprias.

Tipos de insetos voadores

As características gerais dos insetos voadores e que são comuns a todos eles são aquelas mencionadas na seção anterior. No entanto, como dissemos, existem diferentes tipos de insetos voadores, o que permite que eles sejam classificados de acordo com vários critérios. Assim, os insetos alados são divididos em vários grupos ou ordens:

  • Orthoptera;
  • Hymenoptera;
  • Diptera;
  • Lepidoptera;
  • Blattodea;
  • Coleoptera;
  • Odanata.

A seguir, conheça as características de cada grupo e alguns de seus exponentes. Vamos lá!

Insetos voadores ortópteros (Orthoptera)

Os ortópteros apareceram na terra durante o Triássico. Essa ordem de insetos é caracterizada principalmente por seu aparelho bucal, que é do tipo mastigador e porque a maioria deles são saltadores, como grilos e gafanhotos. As asas têm uma textura semelhante ao pergaminho e são retas, embora nem todos os insetos pertencentes a essa ordem tenham asas do mesmo tamanho. Alguns deles nem mesmo têm asas e, portanto, não são insetos voadores.

Como tipos de insetos voadores da ordem Orthoptera, podemos mencionar os seguintes como os mais comuns:

  • Gafanhoto-migratório (Locusta migratoria);
  • Grilo-doméstico (Acheta domesticus);
  • Gafanhoto-marrom (Rhammatocerus schistocercoides);
  • Gafanhoto-do-deserto (Schistocerca gregaria).

Gafanhoto-do-deserto

Entre os exemplos mencionados, vamos focar neste tipo de inseto voador devido às suas peculiaridades. O gafanhoto-do-deserto (Schistocerca gregaria) é um inseto considerado uma praga na Ásia e na África. De fato, esta é a espécie à qual os textos bíblicos antigos se referem. Durante algumas épocas do ano, eles se reúnem em enxames que são responsáveis pelo desaparecimento de cultivos em muitas áreas.

São capazes de cobrir até 200 km de distância voando. Os grupos que eles formam podem conter até 80 milhões de indivíduos.

Insetos voadores: nomes, características e fotos - Insetos voadores ortópteros (Orthoptera)

Insetos voadores himenópteros (Hymenoptera)

Esses insetos apareceram durante o jurássico. Eles têm um abdômen dividido em segmentos, uma língua é capaz de se alongar, retrair e um aparelho bucal mastigador-sugador. São insetos que vivem em sociedade e as castas estéreis não têm asas.

A ordem dos himenópteros é uma das maiores existentes pois inclui mais de 150.000 espécies. Dentro deste grande grupo, também encontramos alguns dos insetos voadores mais comuns e conhecidos, já que todas as espécies de vespas, abelhas, mamangabas e formigas pertencem a ele. Assim, alguns exemplos de himenópteros são:

  • Abelha-carpinteira-europeia (Xylocopa violacea);
  • Zangão-do-bosque (Bombus dahlbomii);
  • Abelha-cortadora-de-folhas-de-alfafa (Megachile rotundata).

Além disso, a abelha-melífera e a mangava-oriental, dois dos insetos mais difundidos no mundo também são exemplos de insetos que voam e dos quais falaremos mais detalhadamente a seguir.

Abelha-melífera

A apis mellifera é a espécie mais conhecida de abelha. Atualmente, está distribuída por todo o mundo e desempenha um papel crucial na polinização das plantas, além de produzir a maior parte do mel consumido pelos seres humanos.

Em uma colmeia, as abelhas operárias podem viajar vários quilômetros em busca de pólen. Enquanto isso, a rainha só realiza o voo nupcial antes do acasalamento, um evento que ocorre uma vez na vida.

Mangava-oriental

A Vespa orientalis ou mangava-oriental é uma espécie de inseto voador que é distribuída na Ásia, África e parte da Europa. Como as abelhas, as vespas são euro-sociais, ou seja, formam grupos liderados por uma rainha e centenas de operárias.

Este inseto se alimenta de néctar, de outros insetos e de alguns pequenos animais pois requer proteína para o desenvolvimento de suas crias. Sua picada pode ser perigosa para pessoas alérgicas.

Insetos voadores: nomes, características e fotos - Insetos voadores himenópteros (Hymenoptera)

Insetos voadores dípteros (Diptera)

Os dípteros apareceram durante o jurássico. A maioria desses insetos tem antenas curtas, mas os machos de algumas espécies têm antenas plumosas, ou seja, cobertas de vilosidades. Seu aparelho bucal é sugador-picador.

Uma das curiosidades desse grupo de insetos voadores é que eles não têm quatro asas, como a maioria. Devido à evolução, os dípteros têm apenas duas asas. Dentro desta ordem, encontramos todas as espécies de moscas, mosquitos, mutucas e típulas. Alguns exemplos de dípteros são:

  • Mosca-de-estábulo (Stomoxys calcitrans);
  • Mosca-zangão (Bombylius major).

Além disso, destacamos a mosca-da-fruta, a mutuca-listrada e o mosquito-tigre-asiático por sua popularidade e vamos falar de algumas de suas principais características.

Mosca-da-fruta

A mosca-da-fruta (Ceratitis capitata) é nativa da África, embora atualmente seja possível encontrá-la em áreas tropicais ao redor de todo o mundo. É um inseto voador que se alimenta das substâncias açucaradas das frutas, um comportamento que lhe dá seu nome.

Esta e todas as espécies de moscas voam por curtos períodos de tempo, depois pousam para descansar e se alimentar. A mosca-da-fruta é considerada uma praga em muitos países pois causa grandes danos aos cultivos. Se essa espécie estiver presente em sua casa e você quiser saber como afugentá-la sem danificá-la.

Mutuca-listrada

Outra das espécies desta lista de insetos voadores é a mutuca-listrada (Tabanus subsimilis). Este inseto díptero habita os Estados Unidos e o México, onde pode ser encontrado em ambientes naturais e urbanos.

A mutuca-listrada mede cerca de 2 centímetros e tem um corpo marrom com listras no abdômen. Como as demais espécies de mutuca, suas asas são cinzas e grandes, sulcadas por algumas nervuras.

Mosquito-tigre-asiático

O mosquito-tigre-asiático (Aedes albopictus) está distribuído por várias áreas da África, Ásia e América. É um inseto capaz de transmitir doenças ao homem, como a dengue e a febre amarela.

Ao contrário do que se pensa, apenas as fêmeas se alimentam de sangue. Enquanto isso, os machos ingerem o néctar das flores. A espécie é considerada invasora e desencadeia emergências sanitárias em países tropicais ou durante as estações chuvosas.

Insetos voadores: nomes, características e fotos - Insetos voadores dípteros (Diptera)

Insetos voadores lepidópteros (Lepidoptera)

Eles apareceram no planeta durante o Terciário. Os lepidópteros têm um aparelho bucal sugador, semelhante a um tubo. As asas são membranosas e possuem escamas imbricadas, unicelulares ou achatadas. Esta ordem inclui as mariposas e borboletas.

Alguns exemplos de lepidópteros são os seguintes:

  • Mariposa-morfo-azul (Morpho menelaus);
  • Pequeno-pavão (Saturnia pavonia);
  • Borboleta-cauda-de-andorinha (Papilio machaon).

Um dos insetos voadores mais curiosos e bonitos é a borboleta-asas-de-pássaro, por isso falamos um pouco mais sobre ela a seguir.

Borboleta-asas-de-pássaro

A Ornithoptera alexandrae é endêmica de Papua-Nova Guiné. É considerada a maior borboleta do mundo, pois atinge uma envergadura de 31 centímetros. As asas das fêmeas são marrons com algumas manchas brancas, enquanto os machos, menores, apresentam as cores verde e azul.

Esta espécie vive a 850 metros de altura nas florestas tropicais. Alimenta-se de pólen de diferentes flores ornamentais e atinge a idade adulta aos 131 dias de vida. Atualmente, está em perigo de extinção devido à destruição de seu habitat.

Se você gosta de borboletas e quer aprender mais coisas sobre elas, consulte este outro artigo sobre a reprodução das borboletas.

Insetos voadores: nomes, características e fotos - Insetos voadores lepidópteros (Lepidoptera)

Insetos voadores blatódeos (Blattodea)

Sob este grupo de insetos voadores estão classificadas as baratas, insetos achatados que se distribuem por grande parte do mundo. As baratas também podem voar embora seja verdade que nem todas têm asas. Elas apareceram durante o carbonífero e o grupo inclui espécies voadoras como estas:

  • Termita-gigante-do-norte-da-Austrália (Mastotermes darwiniensis);
  • Barata-germânica (Blattella germanica);
  • Barata-americana (Periplaneta americana);
  • Barata-australiana (Periplaneta australasiae).

Como exemplo de barata voadora, destacamos a barata-da-Pensilvânia e a seguir veremos o porquê.

Barata-da-Pensilvânia

A Parcoblatta pensylvanica é uma espécie de barata encontrada na América do Norte. É caracterizada por um corpo escuro com listras mais claras nas costas. Habita florestas e áreas com muita vegetação, além de áreas urbanas.

A maioria das baratas voa em baixa altitude e é capaz de usar suas asas para planar desde lugares altos até as outras superfícies. Em todas as espécies, incluindo a da Pensilvânia, apenas os machos possuem asas.

Insetos voadores: nomes, características e fotos - Insetos voadores blatódeos (Blattodea)

Insetos voadores coleópteros (Coleoptera)

Os coleópteros são insetos voadores que, em vez de asas convencionais, possuem dois élitros duros que servem de proteção quando o animal está em repouso. Eles possuem um aparelho bucal mastigador-sugador e pernas alongadas. Os fósseis registram que eles existiram já durante o Permiano.

Na ordem dos Coleópteros encontramos os besouros, as joaninhas e os vaga-lumes, entre outros. Portanto, alguns dos nomes dos insetos voadores coleópteros mais representativos são:

  • Besouro-relógio-da-morte (Xestobium rufovillosum);
  • Besouro-da-batata (Leptinotarsa decemlineata);
  • Besouro-do-olmo (Xanthogaleruca luteola);
  • Joaninha-rosa (Coleomegilla maculata);
  • Joaninha-de-dois-pontos (Adalia bipunctata).

Joaninha-de-sete-pontos

Entre os insetos voadores que fazem parte desta lista com nomes, características e fotos, também é possível mencionar a joaninha-de-sete-pontos (Coccinella septempunctata). Esta é a espécie que inspira a maioria dos desenhos animados, pois apresenta as típicas asas vermelhas brilhantes com pontos pretos.

Esta joaninha está distribuída pela Europa, e migra para hibernar. Alimenta-se de pulgões e outros insetos, sendo introduzida nos cultivos para controlar as pragas.

Cerambicídeo-gigante

O cerambicídeo-gigante (Titanus giganteus) é um animal que habita a floresta amazônica. Tem um corpo marrom avermelhado, pinças e antenas, mas o mais interessante desse besouro é seu tamanho, pois mede 17 centímetros.

A espécie vive em árvores, de onde é capaz de voar para o chão. Os machos também emitem sons para intimidar seus predadores.

Consulte este artigo e descubra mais sobre os tipos de besouros.

Insetos voadores: nomes, características e fotos - Insetos voadores coleópteros (Coleoptera)

Insetos voadores odonatos (Odonata)

Esses insetos apareceram durante o Permiano. Eles têm olhos muito grandes e corpos cilíndricos e alongados. Suas asas são membranosas, finas e transparentes. A ordem dos odonatos é composta por mais de 6.000 espécies, entre as quais encontramos libélulas ou donzelinhas. Desta forma, alguns dos exemplos de insetos odonatos são:

  • Libélula-imperador (Anax imperator)
  • Libélula-verde (Anax junius)
  • Gaiteiro-azul (Calopteryx virgo)

Libélula-comum-azul

O último dos exemplos de insetos voadores é o Enallagma cyathigerum ou libélula-azul-comum. É uma espécie que vive em grande parte da Europa e em algumas áreas da Ásia, onde está distribuída em áreas próximas à água doce com alto nível de acidez, porque os peixes, seus principais predadores, não sobrevivem nessas condições.

Esta libélula se distingue pela brilhante cor azul de seu corpo, acompanhada por algumas listras pretas. Além disso, apresenta asas alongadas que pode dobrar quando quer descansar.

Insetos voadores: nomes, características e fotos - Insetos voadores odonatos (Odonata)

Se deseja ler mais artigos parecidos a Insetos voadores: nomes, características e fotos, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Bibliografia
  • M.C. Thomas, J.B. Heppner, R.E. Woodruff, H.V. Weems, and G.J. Steck. (2019). Mediterranean fruit fly scientific name: Ceratitis capitata (Wiedemann) (Insecta: Diptera: Tephritidae). Featured Creatures. Entomology and Nematology. University of California.
  • Graham K. Taylor, Adrian L. R. Thomas. Dynamic flight stability in the desert locust Schistocerca gregaria. Journal of Experimental Biology 2003 206: 2803-2829; doi: 10.1242/jeb.00501
  • Böhm, M. (2018). Ornithoptera alexandrae. The IUCN Red List of Threatened Species 2018: e.T15513A88565197.
  • Los Escarabajos pueden convertirse en plagas domésticas, agrícolas o forestales. Acticimex.
  • Dow, R. (2009). Enallagma cyathigerum. The IUCN Red List of Threatened Species 2009: e.T158703A5266883.
  • De la Cruz Lozano, J. (2005). Entomología, morfología y fisiología de los insectos. Palmira. Universidad Nacional de Colombia.
  • Alaux, C. , Brunet, J. , Dussaubat, C. , Mondet, F. , Tchamitchan, S. , Cousin, M. , Brillard, J. , Baldy, A. , Belzunces, L. P. and Le Conte, Y. (2010). Interactions between Nosema microspores and a neonicotinoid weaken honeybees (Apis mellifera). Environmental Microbiology, 12: 774-782.

Vídeos relacionados com Insetos voadores: nomes, características e fotos

1 de 3
Vídeos relacionados com Insetos voadores: nomes, características e fotos

Escrever comentário sobre Insetos voadores: nomes, características e fotos

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Insetos voadores: nomes, características e fotos
1 de 8
Insetos voadores: nomes, características e fotos

Voltar ao topo da página