Partilhar
Partilhar em:

Hamster anão russo

Hamster anão russo

O Hamster anão russo, como o seu nome indica, é oriundo da Rússia, embora também esteja presente no Cazaquistão. É um pet muito comum entre o público infantil, já que não requer cuidados excessivos e possui uma atitude agradável, próxima até, com quem se encarrega de o alimentar.

Esse roedor pode suportar temperaturas muito baixas, uma vez que vem da estepe.

Origem
  • Ásia
  • Europa
  • Casaquistão
  • Rússia

Aspeto físico

Possui um tamanho pequeno, medindo entre 7 e 11 centímetros de comprimento e pesando entre 35 e 50 gramas. A sua cauda é curta e o corpo roliço, o que muitas pessoas consideram adorável. No geral, pode ser encontrado na natureza em tons de café, cinza e branco. Possuem uma linha preta no dorso e uma mancha preta no ombro. A barriga é quase sempre de cor branca.

Ignorando as cores tradicionais, quem trabalha na sua reprodução combina exemplares de diferentes cores que resultam em agentes de cor distintos (sépia, com linha dorsal dourada), canela (tom cinza), mandarim (alaranjado) ou pérola (cinza claro).

Podemos distinguir o macho e a fêmea através da distância entre os orifícios do ânus e da vulva. Os da fêmea são mais juntos, enquanto os do macho são mais separados. Também é possível resolver o mistério se conseguir identificar os testículos.

Comportamento

É um hamster excepcionalmente doce e sociável e, talvez por isso, muitos progenitores o escolhem como pet para os seus filhos. Embora se trate de um hamster amigável e simpático, não é recomendado que vivam em pares do mesmo sexo pois são territoriais entre os da sua espécie.

São mais ativos pela noite, quando e possível ouvi-los rodando em sua roda clássica fazendo exercício. De dia costumam dormir mais, embora também se possam manter acordados.

Uma característica a ter em conta é que hibernam, embora isso não costume acontecer em cativeiro. Se o fizerem, podem passar uma semana inteira sem sair do seu ninho, o que pode fazer o tutor pensar que está morto. Nessa fase, costumam protagonizar um fenômeno pouco comum, cambiando o seu pelo e ficando mais claros.

Alimentação

São roedores omnívoros na natureza, o que quer dizer que se alimentam tanto de sementes como de alguns insetos. Em cativeiro, basta oferecer sementes como girassol, milho, cevada, cártamo... Também pode incluir fruta na sua dieta uma ou duas vezes por semana, como maçã ou morango (nenhuma fruta cítrica!) ou verdura, como por exemplo brócolis ou pimentões verdes.

Encontrará, em lojas de animais, preparados de sementes específicos. Apenas deve adicionar as doses de fruta, verdura e algum insecto se assim desejar. Caso contrário, pode oferecer queijo sem sal, gema de ovo cozida ou um pouco de fiambre de peru.

A água fresca e limpa não deve faltar. Use um bebedouro como o dos coelhos para que seja mais cômodo.

Habitat

No estado selvagem vive em tocas subterrâneas embora em cativeiro, obviamente, utilizemos uma gaiola. Pode escolher um terrário amplo ou uma gaiola de tamanho adequado mas deve assegurar-se que esta não tem barras muito separadas ou de um material que se possa partir. Senão o hamster russo irá escapar.

Deverá ter algo para roer visto que os seus dentes crescem sem parar ao longo de toda a sua vida. Procure um ramo ou um brinquedo que encontre nas lojas de pets. Também deve oferecer-lhes uma roda para que se exercitem e inclusivamente, se tiver espaço, um circuito.

Limpe o seu habitat regularmente para prevenir doenças evitando sempre o pó. Também deve retirar as sobras de fruta e verduras que o hamster possa comer e como consequência adoecer.

Doenças

O hamster anão russo pode sofrer de diarreia caso ingira doces ou demasiada verdura: tenha em conta que apenas pode comer alimentação extra duas ou três vezes por semana. Também pode sofrer uma queda total de pelo caso se encontre debilitado ou com carência de vitaminas, por isso compre vitaminas que podem ser misturadas na água na sua loja habitual,

Se não limpar adequadamente o pó da gaiola, ele pode acabar nos olhos do hamster e provocar conjuntivite. Em princípio, deve se solucionar sozinha em alguns dias mas, em alguns casos em especial, deve recorrer ao veterinário para que recomende antibióticos ou anti-inflamatórios.

Outra doença comum é a paralisia neurológica que pode ser identificada quando o hamster deixa de ter mobilidade nas patas traseiras. Geralmente, isso acontece como resultado de uma queda.

Pode prevenir todas as doenças proporcionando a alimentação adequada e a higiene regular do animal.

Fotos de Hamster anão russo

Artigos relacionados

Suba a sua foto de Hamster anão russo

Suba a foto do seu Pet
Fotos e comentários (5)

Escrever comentário sobre Hamster anão russo

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
5 comentários
Adriana Menegol
Olá, meu hamster apareceu com uma ferida, ou um inchaço na bariga, tendo caido alguns pelos e a pele ficou avermelhada. Andei fazendo algumas pesquisas, e em alguns sites havia a informação de que poderia ser uma doença relacionada a má higienização do ambiente, porém, faço a limpeza da gaiola frequentemente, até mais do que o indicado. Outra informação que indicava o que poderia ser, é um abcesso, originado de algum machucado, mas ele não apresenta corte algum, e seu habitat não possui nenhum objeto que possa machucar. A ultima informação, diz que pode ser a glândula odorífera, ele ainda é novo, tendo no máximo 04 meses, mas seu pai não apresenta nenhuma glândula, então realmente não sei o que poderia ser. Se tiver alguma ideia do que possa ser, e de como ajudá-lo... agradeço. att
PeritoAnimal
Oi Adriana! Um inchaço na barriga pode ser originado por diversos problemas, uma infecção localizada, um abcesso ou até mesmo um tumor. A única forma de tratar o problema é diagnosticando corretamente e isso só mesmo o médico veterinário tem os meios adequados na clínica para o fazer. A queda de pelo, poderá ter sido ele que por sentir desconforto na zona, coçou demais ou arrancou os pelos. Poderá limpar a zona com um pouco de clorexidina diluída num algodão. Se a situação não melhorar, deverá mesmo ir ao médico veterinário.
WILLIAN A SANTOS
As dicas deram super certo. OBG :)
Depois de algumas brigas eles estão até dormindo juntos agora, parecem irmãos, kkkk
Segue a foto da casinha após a reforma, fiz uma toca menor e mais aconchegante, e aumentei a parte de trás, impedindo as fulgas. Obg pelas dias. :D
PeritoAnimal
Oi Willian! Que bom que resultou e eles já são melhores amigos! Continue atento e ao mais pequeno sinal de briga separe eles. A gaiola ficou incrível! Estamos muito felizes por ter ajudado, continue seguindo o PeritoAnimal e qualquer dúvida aqui estaremos para ajudar sempre que possível!
Willian Santos
Obrigado pela resposta anterior.

A moça do petshop falou que esse era uma fêmea, gostaria de ter 2 hamsters, mais não quero casal, pois não quero reproduzir. Penso em comprar outra fêmea, ela está na casinha dela desde sábado, será que se por outra femeá elas vão viver em paz? Ou terá risco de briga? Segue a foto de onde ela ta vivendo.
PeritoAnimal
Oi William! Que casinha mais linda! Mas ela não consegue escapar subindo para cima da casotinha? Eles por vezes são bem ágeis e conseguem escapar por todo o lado. Embora os hamster anão russo sejam animais sociáveis, nem sempre corre bem colocar outro hamster na gaiola. As fêmeas por vezes são bastante territoriais. Por essa razão não podemos garantir para você que vá correr bem. Você pode tentar e observar atentamente nos primeiros dias e se brigarem terá de separar elas.
Willian
Obg. :D Vou por a casotinha em baixo, fica melhor. :) Também vou aumentar a parte de trás da casinha.
Comprei outra ontem, primeiro coloquei os 2 em um ambiente neutro, não brigaram ficaram se cheirando de boa, quando coloquei a nova dentro da casinha ela ficou bem agitada andando pela casa toda, o ratinho antigo é bem paradão, mais quando o novo chegava perto ou entrava na toca, ela levava uns sopapos, kkkk. Enquanto eu estava olhando deixei os 2 juntos e separava quando tinha atritos, a noite deixei separado. Vou tentar continuar assim, vou ficar revesando os 2 durante a noite, deixar cada um dormindo no lugar do outro, e quando estiver olhando vou deixar junto pra ver se da certo. Obrigado pelas dicas.
PeritoAnimal
Que legal! Depois vamos querer ver os upgrades da gaiola! Fez muito bem em utilizar essa zona neutra. Tente colocar eles mais vezes nessa zona neutra já que nenhum estará defendendo o território e eles vão poder se conhecer melhor assim. Pode experimentar também colocar dois ninhos diferentes na gaiola, o que pode ajudar a evitar as brigas se eles decidirem e respeitarem qual é o lugar de cada um. Depois conte-nos como está correndo a adaptação!
Joana Cristina
Estou pesquisando pra fazer um viveiro pra minha ratinha e eu gostei bastante dessa gaiola, vc fez ou comprou? se comprou, aonde? se fez, aceita encomenda? rsrsrsr
Willian Santos
Olá Joana, faço esses trabalhos como hobby, para meu uso e da família, nunca comercializei. Mas podemos conversar e quem sabe surge a primeira vez :).
Willian Santos
Boa tarde amigo, o meu hamster tem a cauda curta e não tem pelo nas patas, seria um hibrido? E cor dele também é estranha, nunca vi. Vc poderia dar uma olhada e dizer qual cor é?

Segue as fotos no Pinterest: http://pin.it/01_1f_7
PeritoAnimal
Oi William! A cauda curta e o facto de ter menos pelos nas patas são duas características típicas do hamster anão russo. Pelo que vejo na foto me parece que o seu hamster é um anão russo e bem bonito!
daniele
Meu hamster anão russo mudou de cor, porém no verão, a 1 mês e parece clarear cada vez mais. Já tive outros e nenhum mudou a cor. Conseguem me explicar isso? Dizem que é no frio ou quando hibernam, mas com ela não foi nada disso. obs: tentei anexar a foto porém não consegui.

Hamster anão russo
Foto postada por Serelucia:Olá meu nome é Loc sou muito dócil!
1 de 8
Hamster anão russo