menu
Partilhar

O rinoceronte está em extinção?

 
O rinoceronte está em extinção?

O rinoceronte é o terceiro maior mamífero do mundo, depois do hipopótamo e do elefante. É um animal herbívoro que habita diversas zonas do continente africano e asiático. De caráter solitário, prefere sair em busca de seu alimento durante a noite para proteger-se do intenso calor do dia. Na atualidade, existem cinco espécies de rinocerontes que se contam entre os animais em perigo de extinção.

Se te interessa saber se rinoceronte está em extinção e as razões que levam a isso, não perca este artigo do PeritoAnimal!

Também lhe pode interessar: Animais marinhos em perigo de extinção

Onde vivem os rinocerontes

O rinoceronte é um dos maiores mamíferos terrestres do mundo. Existem cinco espécies que se distribuem em distintas zonas, por isso, conhecê-las é crucial para saber onde vivem os rinocerontes.

O rinoceronte branco e o negro vivem na África, enquanto o de Sumatra, o da Índia e o de Java se localizam no território asiático. Quanto ao seu habitat, preferem viver em áreas que apresentam pastos de altura ou zonas abertas. Em qualquer um dos casos, requerem lugares com água abundante e riqueza quanto a plantas e ervas.

As cinco variedades se destacam por um comportamento territorial, situação que se acentua com as ameaças que devem enfrentar, devido ao fato de terem sido deslocados de seus habitats naturais. Em razão disso, sua agressividade aumenta quando se sentem encurralados em lugares pequenos.

Além das áreas mencionadas, existem rinocerontes vivendo em zoológicos, safaris e áreas protegidas destinadas à conservação da espécie. Entretanto, os altos custos de manter estes animais reduziram a quantidade de exemplares que vivem em cativeiro atualmente.

Tipos de rinocerontes

Os cinco tipos de rinocerontes que existem apresentam características próprias, ainda que comportam o fato de encontrarem-se entre as espécies ameaçadas pela ação do ser humano. Do contrário, a espécie não conta com predadores naturais quando alcança a idade adulta.

Estes são os tipos de rinocerontes que existem:

Rinoceronte-indiano

O rinoceronte-indiano (Rhinoceros unicornis) é o maior das variedades deste mamífero que existe. Encontra-se na Ásia, onde habita na Índia, Nepal, Paquistão e Bangladesh.

Esta variedade pode medir até quatro metros de comprimento e pesar mais de duas toneladas. Alimenta-se de ervas e é um excelente nadador. Ainda que sejam muitas suas ameaças, é certo que esta espécie de rinoceronte não se considera em perigo de extinção como ocorre com outras.

Rinoceronte-branco

O rinoceronte-branco (Ceratotherium simum) encontra-se no norte do Congo e no sul da África do Sul. Caracteriza-se por possuir dois chifres de queratina que crescem de forma periódica. Este chifre, entretanto, é uma das principais razões que ameaçam sua existência, já que é uma parte cobiçada por caçadores furtivos.

Como ocorre com a espécie anterior, o rinoceronte-branco não está em perigo de extinção, segundo a IUCN, considera-se que está quase ameaçado.

Rinoceronte-negro

O rinoceronte-negro (Diceros bicornis) é originário da África e caracteriza-se por apresentar dois chifres, um maior que o outro. Além do mais, seu lábio superior apresenta forma de gancho, o qual lhe permite alimentar-se de plantas que estão brotando.

Esta espécie de rinoceronte mede até dois metros de comprimento e pesa cerca de 1800 quilos. Ao contrário dos tipos anteriores, o rinoceronte-negro está em perigo crítico de extinção devido à caça indiscriminada, a destruição de seus habitats e o desenvolvimento de doenças. Atualmente, tal e como se mostra na lista vermelha da IUCN, estão sendo realizadas distintas medidas de recuperação e conservação da espécie.

Rinoceronte-de-Sumatra

O rinoceronte-de-Sumatra (Dicerorhinus sumatrensis) é a menor espécie de rinoceronte, já que só pesa 700 quilos e mede menos de três metros de comprimento. Encontra-se na Indonésia, Sumatra, Bornéu e na península da Malásia.

Outra característica desta espécie é que os machos podem chegar a ser muito agressivos quando a fêmea não quer acasalar, o que em certas ocasiões pode significar a morte dela. Lamentavelmente este fato somado à destruição dos seus habitats e à caça destes animais, o rinoceronte-de-Sumatra encontra-se em perigo crítico de extinção. Inclusive, segundo a IUCN, existem apenas 200 exemplares em todo o mundo.

Rinoceronte-de-Java

O rinocerante-de-Java (Rhinoceros sondaicus) encontra-se na Indonésia e na China, onde prefere viver em zonas pantanosas. Pode ser identificado facilmente devido ao fato de sua pele dar a impressão que tem uma armadura. Possui hábitos solitários, exceto em épocas de acasalamento, e alimenta-se de todo tipo de ervas e plantas. Pode medir três metros de comprimento e pesar até 2500 quilos.

Esta espécie também está em perigo crítico de extinção, sendo a mais vulnerável de todas. Se você se pergunta quantos rinocerontes existem no mundo desta espécie, a resposta é que estima-se que só existam entre 46 e 66 exemplares dele. Os motivos que levaram o rinoceronte-de-Java a quase extinção? Principalmente a ação humana. Atualmente, se estão trabalhando em planos de recuperação e conservação da espécie.

O rinoceronte está em extinção? - Tipos de rinocerontes

Por que o rinoceronte está em perigo de extinção

Como já mencionamos, nenhuma das espécies de rinocerontes conta com predadores naturais. Devido a isto, os elementos que as ameaçam provêm da ação do ser humano, já seja sobre a própria espécie ou o habitat onde se desenvolve sua vida.

Entre as ameaças gerais dos rinocerontes se encontram:

  • Redução de seu habitat devido a ação humana. Isso se deve à expansão de áreas urbanas com tudo o que isso implica, como construção de estradas, centro que proporcionem serviços básicos, etc.
  • Conflitos civis. Muitas zonas da África, como as habitadas pelo rinoceronte-indiano e pelo rinoceronte-negro são territórios onde ocorrem conflitos bélicos e por isso elas são arrasadas. Além do mais, os chifres do rinoceronte são utilizados como armas e, produto da violência, a água e as fontes de comida ficam escassas.
  • A caça furtiva segue sendo a maior ameaça para o futuro do rinoceronte. Nos povoados mais pobres, o tráfico de chifre de rinoceronte é muito importante, já que é utilizado para fabricar peças e elaborar medicamentos.

Hoje estão vigentes algumas ações com o objetivo de conservar estas espécies. Nas Nações Unidas existe um comitê formado por representantes de distintos países destinado à proteção do rinoceronte. Além do mais, foram implementadas leis que castigam de maneira estrita os envolvidos na caça furtiva.

Por que o rinoceronte-de-Java está em perigo de extinção

Na Lista Vermelha, o rinoceronte-de-Java está classificado como em perigo crítico, como já indicamos, mas quais são suas principais ameaças? Detalhamos a seguir:

  • Caça para obtenção de seus chifres.
  • Devido à pequena população existente, qualquer doença representa uma ameaça considerável para a sobrevivência da espécie.
  • Ainda que os dados que se têm não sejam exatos, se suspeita que não existam indivíduos masculinos nas populações registradas.

Ameaças deste tipo poderiam levar o rinoceronte-de-Java à extinção em pouquíssimos anos.

O rinoceronte está em extinção? - Por que o rinoceronte-de-Java está em perigo de extinção

O rinoceronte-branco está em perigo de extinção?

O rinoceronte-branco é um dos mais conhecidos e se considera como quase ameaçado, por isso ainda são muitas as ações que se podem tomar para sua preservação.

Entre as principais ameaças se encontram:

  • Caça ilegal para o tráfico dos chifres, a qual foi registrado um aumento no Quênia e Zimbábue.
  • Os conflitos civis desencadeiam lutas com armas de fogo, o que levanta suspeitas que esteja extinto no Congo.

Estes perigos poderiam representar a extinção da espécie em pouco tempo.

O rinoceronte está em extinção? - O rinoceronte-branco está em perigo de extinção?

Quantos rinocerontes existem no mundo

Segundo a União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN), o rinoceronte-indiano encontra-se vulnerável e conta atualmente com uma população de 3000 exemplares, enquanto a espécie de rinoceronte-negro encontra-se em perigo crítico e conta com uma população estimada em 5000 exemplares.

Seguidamente, o rinoceronte-de-Java também encontra-se em perigo crítico e se estima que existam entre 46 e 66 membros, sendo o mais ameaçado. Já o rinoceronte-branco, é uma espécie classificada como quase ameaçada, estima-se que exista uma população de 20.000 exemplares.

Finalmente, o rinoceronte-de-Sumatra considera-se extinto em liberdade, já que o último exemplar macho, chamado Titan, morreu na Malásia em meados de 2018. Existem alguns exemplares criados em cativeiro em distintas partes do mundo.

Se deseja ler mais artigos parecidos a O rinoceronte está em extinção?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Animais em perigo de extinção.

Bibliografia
  • NATIONAL GEOGRAPHIC. Muere el último rinoceronte macho de Sumatra en Malasia. (2019, mayo 28). Disponível em: <https://www.nationalgeographicla.com/animales/2019/05/muere-el-ultimo-rinoceronte-macho-de-sumatra-en-malasia?fbclid=IwAR3NBKG3roVK_khTZaW5tuglkU8P-Be3F9D4tcFQnRrHXm_S8dnbDl6xItQ> Acesso em: 19 de maio de 2021.
  • Javan Rhinoceros. The Red List of Threatened Species. Disponível em: <https://www.iucnredlist.org/es/species/19495/8925965#population> Acesso em: 19 de maio de 2021.
  • White Rhinoceros. The Red List of Threatened Species. Disponível em: <https://www.iucnredlist.org/es/species/4185/16980466#population> Acesso em: 19 de maio de 2021.
  • Black Rhinoceros. The Red List of Threatened Species. Disponível em: <https://www.iucnredlist.org/es/species/6557/16980917#population> Acesso em: 19 de maio de 2021.
  • Sumatran Rhinoceros. The Red List of Threatened Species. Disponível em: <https://www.iucnredlist.org/es/species/6553/12787457#population> Acesso em: 19 de maio de 2021.
  • Indian Rhinoceros. The Red List of Threatened Species. Disponível em: <https://www.iucnredlist.org/es/species/19496/8928657#threats> Acesso em: 19 de maio de 2021.

Escrever comentário

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

O rinoceronte está em extinção?
1 de 4
O rinoceronte está em extinção?

Voltar ao topo da página