Partilhar

Animais ovovivíparos: exemplos e curiosidades

 
Por Liliana Ramos, Jornalista especializada em mundo animal. 16 maio 2019
Animais ovovivíparos: exemplos e curiosidades

Calcula-se que no mundo existam cerca de 2 milhões de espécies de animais. Alguns, como os cachorros ou os gatos, podemos ver quase diariamente nas cidades e se sabe muito sobre eles mas, existem animais menos comuns com uma infinidades de curiosidades que não sabemos.

Esse é o caso dos animais ovovivíparos, têm uma forma de reprodução muito diferente e apresentam características pouco comuns porém bastante interessante. Para saber mais sobre os animais e descobrir informações preciosas sobre os animais ovovivíparos, exemplos e curiosidades, continue lendo esse artigo do PeritoAnimal.

Também lhe pode interessar: Animais herbívoros - Exemplos e curiosidades

O que são animais ovovivíparos?

Os animais ovovivíparos, como as aves e muitos répteis, se reproduzem mediante ovos que as fêmeas depositam no meio ambiente (em um processo conhecido como posta) e, depois de um período de incubação, esses ovos rompem, dando origem ao filhote e começando uma nova vida no exterior.

Nos animais vivíparos, a maioria são mamíferos como os cachorros ou os humanos, os embriões se desenvolvem no interior do útero da mãe, chegando ao exterior através do parto.

Ou seja, os animais ovovivíparos se desenvolvem nos ovos que se encontram no interior do corpo das mães mas, esses ovos rompem já no exterior do corpo da mãe, imediatamente ou pouco tempo depois. Certamente, alguma vez você escutou a questão: quem veio antes, o ovo ou a galinha? Se a galinha fosse um animal ovovivíparo, a resposta seria mais fácil, ou seja as duas ao mesmo tempo. A seguir, faremos uma lista com exemplos de animais ovovivíparos bem curiosos.

Animais ovovivíparos: cavalo-marinho

O cavalo do marinho (Hippocampus) é um exemplo de animal ovovivíparo bastante curioso, já que eles nascem a partir dos ovos incubados no interior do pai. Durante a fecundação, a fêmea do cavalo-marinho transfere os ovos aos machos que os mantém protegidos em uma bolsa na qual, depois de um certo período de desenvolvimento, se rompem e saem ao exterior os filhotes.

Mas essa não é a única curiosidade sobre os cavalos-marinhos mas também, diferente do que muitos pensam, não são crustáceos, como os camarões e as lagostas, mas sim peixes. Outra característica interessante é o fato de conseguirem mudar de cor para confundir os animais ao seu redor.

Animais ovovivíparos: exemplos e curiosidades - Animais ovovivíparos: cavalo-marinho

Animais ovovivíparos: ornitorrinco

O ornitorrinco (Ornithorhynchus anatinus), é originário da Austrália e locais próximos e é considerado um dos animais mais estranhos que existem no mundo pois, apesar de ser um mamífero, tem um bico parecido com um pato e pés de peixe, adaptados para a vida aquática. De fato, dizem que os primeiros ocidentais que viram esse animal pensavam que era uma brincadeira e que alguém estava tentando enganá-los colocando um bico em um castor ou em outro animal parecido.

Ele têm também um esporão venenoso no tornozelo, sendo um dos poucos mamíferos venenosos que existem. De todos as maneiras, apesar de ser citado inúmeras vezes como um dos exemplos de animais ovovivíparos, o ornitorrinco põe ovos mas que não rompem imediatamente após a posta.

Apesar acontecer em um período de tempo relativamente curto (mais ou menos duas semanas), período no qual a mãe incuba os ovos em um ninho. Ao saírem do ovo, os filhote tomam o leite produzido pela mãe.

Saiba mais curiosidades sobre o ornitorrinco nesse artigo do PeritoAnimal.

Animais ovovivíparos: exemplos e curiosidades - Animais ovovivíparos: ornitorrinco

Animais ovovivíparos: víbora-áspide

A víbora-áspide (Vipera aspis), é mais um dos exemplos de animais ovovivíparos bem como muitas serpentes. Esse réptil é encontrado em muitas partes da Europa mediterrânea, apesar de não ser agressiva com os humanos nem muito fácil de encontrar, essa serpente é altamente venenosa.

Ao ouvir o nome da víbora-áspide, inevitavelmente vem à cabeça a história da Cleópatra. Ela se suicidou ao ser traída por uma serpente áspide, que a tinha traiu escondida em uma cesta de figos. De todos os modos, Cleópatra morreu no Egito, local em que não é fácil encontrar esse réptil, por isso, provavelmente se referia a uma cobra egípcia, também conhecida como áspide de Cleópatra, cujo nome científico é Naja heje.

De qualquer forma, a maioria dos historiadores considera falso que a morte tenha sido causada pela mordida de um ophidium, qualquer que seja sua espécie, alegando que Cleópatra era mais propensa a cometer suicídio usando algum tipo de veneno, só que a história da cobra tem mais charme.

Animais ovovivíparos: exemplos e curiosidades - Animais ovovivíparos: víbora-áspide

Animais ovovivíparos: licranço

O licranço (Anguis fragilis) é, sem sombra de dúvidas, um animal realmente surpreendente. Além de ser um ovovivíparo, é um lagarto sem patas. Ele parece uma serpente mas, diferente da maioria dos répteis, não busca incessantemente o sol pois prefere locais mais úmidos e escuros.

Ao contrário do que acontece com o ornitorrinco e com o áspide, o licranço não é venenoso, apesar de existir uma convicção generalizada em certas zonas rurais que afirmam que esse animal é venenoso. Na verdade, ele é extremamente inofensivo sendo que as lombrigas são a principal fonte de alimentação. Também há quem diga que o licranço é cego, mas não existe qualquer fiabilidade nesse informação.

Animais ovovivíparos: exemplos e curiosidades - Animais ovovivíparos: licranço

Animais ovovivíparos: tubarão branco

Existem muitos tubarões que podem ser exemplos de animais ovovivíparos, como o tubarão branco (Carcharodon carcharias), famoso e temido em todo o mundo por causa do filme "Tubarão" dirigido por Steven Spilberg. Na realidade, o título original do filme é "Jaws" que em português significa "mandíbulas"

Apesar de ser um predador capaz de devorar com facilidade uma pessoa, o tubarão branco prefere alimentar-se de outros animais, como focas. As mortes de humanos causadas por esse animal são menores do que as causadas por outros animais que parecem mais inofensivos à vista, como os hipopótamos.

Animais ovovivíparos: exemplos e curiosidades - Animais ovovivíparos: tubarão branco

Animais ovovivíparos: sapo pipa pipa

O último da nossa lista com exemplos de animais ovovivíparos está o sapo pipa pipa, também conhecido como aru, sapo-aru, sapo-do-surinã, cururu-pé-de-pato e sapo-pipa e é originário da America Latina.

A fertilização desse animal acontece fora do corpo da mãe. Após ocorrer o acasalamento, a fêmea fecha os ovos no corpo desenvolvendo a larva dentro do ovo, diferente do que acontece com outros anfíbios que nascem como larvas mas passam por metamorfoses. Os filhotes de sapo pipa pipa nascem com a estrutura final ou seja, depois de nascerem não passam por mutações.

Animais ovovivíparos: exemplos e curiosidades - Animais ovovivíparos: sapo pipa pipa
Imagem: Reprodução/WikimediaCommons

Se deseja ler mais artigos parecidos a Animais ovovivíparos: exemplos e curiosidades, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Escrever comentário sobre Animais ovovivíparos: exemplos e curiosidades

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Animais ovovivíparos: exemplos e curiosidades
Imagem: Reprodução/WikimediaCommons
1 de 7
Animais ovovivíparos: exemplos e curiosidades

Voltar ao topo da página