Remédios naturais para a gastroenterite em cães

Remédios naturais para a gastroenterite em cães

Como já mencionamos em outras ocasiões, os cães são susceptíveis de sofrer várias doenças que podem observar também em nós. Em algumas ocasiões, essas doenças não são graves e são apenas uma resposta do organismo que procura fazer frente a uma determinada situação através dos seus próprios recursos curativos.

Para que um proprietário se aperceba destas reações no organismo do seu animal de estimação é imprescindível que passe tempo com ele, que o observe e o conheça bem para assim poder determinar aqueles sinais que manifestam que algo não está bem.

Se nestes casos gosta de tratar o seu cão de forma natural, neste artigo do Perito Animal, mostramos-lhe os remédios naturais para a gastroenterite em cães.

O que é a gastroenterite?

A gastroenterite canina é uma doença leve a não ser que se complique. Caracteriza-se por um estado inflamatório que afeta tanto o estômago como os intestinos.

Na maioria das ocasiões, a gastroenterite obedece a uma reação do organismo que tenta limpar o sistema digestivo, quer seja devido a uma comida em mau estado ou devido a um agente patogênico.

Precisamente porque a gastroenterite é na realidade um mecanismo de defesa, é importante apoiá-lo através de meios naturais em vez de a anular através de tratamentos farmacológicos, embora reiteremos que este último procedimento possa ser necessário em casos graves.

O jejum

Os animais são muito instintivos e precisamente a conservação dos seus intestinos tem uma grande "sabedoria". Por este motivo, diante de uma doença, o animal costuma deixar de comer para que assim toda a energia do organismo possa dirigir-se para o processo digestivo.

Por outro lado, alguns animais de companhia habituados às facilidades da vida doméstica são verdadeiros comilões e não deixam de comer nada mesmo que se encontrem mal.

Neste caso, o dono deve aplicar um período de jejum de 24 horas, que obviamente, faz referência à privação de comida mas não de hidratação.

Durante este período o cachorro deve ter água ou, melhor ainda, um soro caseiro de reidratação oral.

O jejum controlado durante 24 horas permite que o sistema digestivo se limpe com maior facilidade e procura uma recuperação da gastroenterite mais rápida.

Remédios naturais para a gastroenterite em cães

Além da importância do jejum e da recuperação paulatina da alimentação normal depois do período de privação de alimento, você tem outros remédios naturais que são muito úteis para aliviar os sintomas associados à gastroenterite canina:

  • Alho: a toxicidade do alho nos cães tem sido muito discutida e o certo é que na quantidade está o segredo. Quando o cão começar a recuperar a sua alimentação normal, pique um dente de alho diariamente para a sua comida. O alho é altamente antibacteriano e ajudará a que o sistema digestivo possa combater eficazmente uma possível infecção.

  • Probióticos: os probióticos são produtos que contêm estirpes de bactérias presentes na flora intestinal benéfica para o organismo. Por este motivo, é muito importante que adquira um probiótico específico para cães. Este produto ajudará a aliviar os sintomas e permitirá melhorar as defesas intestinais.

  • Nux Vomica ou Noz-vómica: A Nux Vomica é um remédio homeopático amplamente utilizado para as doenças gastrointestinais. Neste caso utilizaremos uma diluição 7CH, ou seja, deve diluir 3 grãos em 5 ml de água. Administre via oral com uma seringa de plástico.

Outros conselhos para o tratamento natural da gastroenterite canina

Se o seu animal apresenta gastroenterite e quer tratar esta doença de forma natural é importante que seja responsável, os seguintes conselhos ajudarão a melhorar a saúde do seu cão:

  • Se em 36 horas a gastroenterite não melhorar, deve acudir ao veterinário
  • Se o cão apresenta febre, letargia ou debilidade nos seus movimentos, a assistência veterinária será imprescindível
  • Passado o período de jejum o cão deve regressar à sua alimentação habitual de forma progressiva, começando primeiro por uma dieta mole
  • Em nenhum ocasião deve medicar o seu cão com fármacos aprovados para o uso humano, mesmo que funcionem consigo no caso de gastroenterite, uma vez que a sua fisiologia é completamente diferente.

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Remédios naturais para a gastroenterite em cães, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Problemas intestinais.