Partilhar
Partilhar em:

Por que meu cão tem tantos gases?

Por que meu cão tem tantos gases?

Ver fichas de  Cachorros

Embora seja normal os cachorros terem gases, devemos prestar atenção quando estivermos perante um mau cheiro ou uma quantidade excessiva. Os gases contínuos e mal cheirosos podem ser um sintoma de que algo não está bem no sistema intestinal do nosso melhor amigo.

Neste artigo do PeritoAnimal vamos explicar-lhe as causas dos gases mais habituais, os remédios mais eficazes e o tratamento geral a seguir. Não se esqueça que os gases ou flatulências são sinais que o corpo nos manda, por isso não é conveniente ignorá-los. Continue lendo e descubra por que o seu cão tem tantos gases.

Também lhe pode interessar: Por que meu cachorro baba tanto?

Alimento de baixa qualidade

A primeira coisa que lhe recomendamos fazer é avaliar a composição do alimento do seu cachorro para se certificar que se trata de um alimento saudável. Lembre-se que nem sempre os produtos mais caros são os melhores. Da mesma forma, se preparar a comida em casa, confira os produtos que utiliza e certifique-se que são bons para ele.

Antes de comprar qualquer tipo de alimento para o seu melhor amigo, seja ração, lata úmida ou prêmios, revise os ingredientes para se certificar que está dando alimento de qualidade. Inclusive em pequenas proporções, determinados tipos de alimento podem cair muito mal a um cachorro com um sistema intestinal sensível.

Experimente mudar a comida do cachorro progressivamente por uma de mais qualidade e, veja se passadas duas ou três semanas os gases continuam sendo um problema.

Ingestão rápida

Alguns cães que sofrem de estresse ou ansiedade, costumam comer muito rápido ingerindo grandes quantidades de ar junto com a comida, que contribuem para criar gases no estômago. No entanto, nem todas as vezes se deve a um problema de nervosismo. Quando convivem vários cães, alguns deles podem comer rápido com medo que o outro se apodere da sua comida, e pode ser inclusive um mau hábito adquirido e que devemos acabar com ele.

Seja qual for o motivo, se suspeita que o seu cachorro ingere a comida muito rapidamente e sem mastigar, talvez tenha descoberto por que o seu cão tem tantos gases. Nestes casos tem várias opções que podem funcionar:

Má digestão

É importante que o seu cachorro se encontre minimamente relaxado antes e depois de comer, e que evite realizar exercício físico com ele. Além de prevenir que sofra de uma torção de estômago, uma doença muito perigosa, vai ajudá-lo a digerir melhor o alimento e a evitar os gases e flatulências.

No entanto, o exercício físico depois de comer não é a única causa que pode provocar uma má digestão e como consequência muitos gases. Algumas dietas (embora sejam de qualidade) contêm uma grande variedade de ingredientes, que dificultam a digestão do cachorro. Nestes casos, experimentar uma dieta com apenas uma fonte de proteína pode ser aconselhável.

Alergia a determinados alimentos

A alergia em cães é um problema de saúde comum. Pode acontecer que os ingredientes do alimento que lhe oferecemos causem uma reação exagerada do sistema imunitário. Os alimentos alérgenos mais habituais são o milho, o trigo, o frango, os ovos, a soja e alguns derivados do leite, mas pode acontecer com praticamente qualquer ingrediente.

Os sintomas mais habituais são as reações cutâneas, que vão desde o avermelhamento leve até às pústulas, acompanhadas por vômitos e muitos gases, entre outros sinais. Perante qualquer um destes sintomas é fundamental consultar o veterinário para avaliar a situação e realizar testes de alergia ao seu cachorro.

Doenças

Por último, é muito importante destacar que existem diferentes doenças e parasitas que afetam o sistema intestinal que podem provocar muitos gases no seu cachorro.

Independentemente de acreditarmos que pode ser alguma das causas anteriormente mencionadas ou não, é recomendável consultar o veterinário para termos a certeza que o nosso cachorro não sofre de nenhum problema de saúde e esclarecer dúvidas que possam surgir. Especialmente se observar fezes com sangue, diarreia ou prisão de ventre, entre outras manifestações físicas. Lembre-se que uma detecção precoce pode ajudar a melhorar o prognóstico de qualquer doença ou problema.

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Por que meu cão tem tantos gases?, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Outros problemas de saúde.

Comentários (0)

Escrever comentário sobre Por que meu cão tem tantos gases?

O que lhe pareceu o artigo?

Por que meu cão tem tantos gases?
1 de 6
Por que meu cão tem tantos gases?