Por que meu cachorro tem 5 dedos nas patas traseiras

Por que meu cachorro tem 5 dedos nas patas traseiras

Já se perguntou alguma vez quantos dedos tem um cachorro? Talvez nunca tenha sabido isso com precisão. Os cachorros têm 5 dedos nas patas dianteiras e 4 nas patas traseiras.

No entanto, e trata-se de uma peculiaridade, podemos encontrar em certas raças a má formação genética de possuir 5 dedos nas patas traseiras. Não fique preocupado se este for o seu caso, pois vamos compartilhar consigo toda a informação necessária para que saiba a que se deve esta doença hereditária e o que deve fazer.

Continue lendo este artigo de PeritoAnimal e descubra por que seu cachorro tem 5 dedos nas patas traseiras.

Raças comuns que têm os 5 dedos

Podemos encontrar o quinto dedo nas patas traseiras dos cachorros na genética de uma série de raças concretas e com motivos de adaptação ao meio ambiente também muito específicos.

Tanto a raça Mastim como São Bernardo podem apresentar esta peculiaridade: têm as suas origens nas montanhas e locais extremos, onde uma boa pisada é imprescindível. Acredita-se que esta garra que podemos observar nas patas traseiras pode servir-lhes para dar um maior apoio. Embora realmente este quinto dedo nas suas patas traseiras seja diferente das restantes e mais fraca uma vez que oferece menos apoio que as restantes, pelo que existem duas razões da sua utilidade real.

Embora em alguns casos possamos dar explicações genéticas, existem mais raças de cachorros nos quais podemos encontrar o quinto dedo e nestas, considera-se uma autêntica má formação, uma falha genética na raça que deve ser removida se se tratar de um filhote. Mas atenção, isto deverá ser recomendado pelo veterinário.

O Pastor Alemão, o Rottweiler e inclusive raças pequenas como o Yorkshire e o Poodle podem apresentar este dedo a mais nas suas patas traseiras.

Problemas do quinto dedo

O problema do quinto dedo é que não está agarrado à pata da mesma forma que estão os restantes dedos traseiros. No quinto dedo há apenas uma união através da pele e músculo, não há osso. Isto pode provocar possíveis problemas de saúde:

  • Ao não existir um osso que segure o quinto dedo, este pode se desprender de muitas formas que podem causar dor no cachorro.
  • O dedo a mais, ao não chegar ao solo não se desgasta com tanta frequência como os outros e não se lima com cada pisada. Isto provoca um crescimento que não tem limite e desenvolvido de forma circular pode acabar machucando o pelo e pele do cachorro. Isto pode causar um problema grave que causa manqueira, dor e, em casos extremos, uma possível amputação da pata. Se de momento não tiver orçamento para a amputação, deve se certificar de cortar a unha regularmente e observá-la para que saber se está derivando em um problema com graves consequências.

Se o nosso cão, pelas suas qualidades, é um possível candidato de concurso devemos ter em conta que:

  • À excepção do Mastim e São Bernardo, as sociedades de registros não admitem e proíbem a inscrição do cachorro com o quinto dedo.
  • Aconselha-se a amputação desse dedo a mais, uma vez que é inútil.

O que fazer se nosso cachorro tem 5 dedos na pata traseira

Quando o cão ainda é filhote é recomendável consultar o veterinário assim que detetar este quinto dedo para o eliminar da sua pata traseira o quanto antes. Assim evitará problemas e será menos traumático para ele ao se tratar de um cachorro.

  • Trata-se de uma cirurgia simples.
  • Tem uma duração de 10 minutos aproximadamente.
  • Não é uma cirurgia dolorosa.

Nos cachorros com mais de 6 meses não é obrigatório realizar a cirurgia. Se não virmos incômodos evidentes e tivermos decidido não o operar devemos estar atentos à evolução do quinto dedo. Mas se o estiver prejudicando devemos consultar o veterinário embora:

  • A recuperação do pós-operatório seja mais lenta.
  • Tentará se coçar e lamber portanto terá de usar um colar isabelino.
  • Andará de forma estranha.

Por fim, aconselhamos todos os donos que sejam especialmente cuidadosos e observem e cuidem do seu cão para que o problema não tenha consequências graves e dolorosas. Manter uma atitude atenta e consultar o veterinário sempre que precisar fará com que seu cão tenha uma melhor qualidade de vida. Tudo isso contribuirá para um cachorro saudável e feliz!

Se você tem um gato, leia o nosso artigo sobre quantos dedos tem um gato!

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Por que meu cachorro tem 5 dedos nas patas traseiras, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Doenças hereditárias.