Partilhar

O significado da rena de Natal

 
Por Nelson Ferreira, Redator do Perito Animal. Atualizado: 13 março 2018
O significado da rena de Natal

Entre as histórias de Natal mais destacadas encontramos o Papai Noel, um personagem que vive no Polo Norte e que recebe as cartas de todas as crianças do mundo para, finalmente, decidir se essas crianças se portaram bem durante todo o ano e se merecem ou não receber os seus presentes. Mas, quando começou esta tradição? Quem é o Papai Noel? E porque escolheu Renas e não cavalos para entregar os presentes às crianças?

No PeritoAnimal queremos reviver um pouco a lenda e tratar de entender o significado da rena de Natal. Não queremos desmistificar nada, mas sim conhecer estes nobres animais que trabalham dia 24 de Dezembro. Continue lendo e descubra tudo sobre as renas do Papai Noel.

Também lhe pode interessar: Decorações de Natal perigosas para pets

Papai Noel, o protagonista

O Papai Noel, Pai Natal ou Santa Claus, em todo o mundo é conhecido por diferentes nomes, mas a história é sempre a mesma.

No século IV nascia em uma cidade da Turquia um menino chamado Nicolás de Bari. Era conhecido desde criança pela sua bondade de generosidade para com as crianças pobres ou com menos recursos, considerando que tinha nascido em uma família muito rica. Com a idade de 19 anos perde os seus pais e herda uma grande fortuna que decide doar aos mais necessitados e segue com o seu tio o caminho do sacerdócio.

Nicolás morre a 6 de Dezembro do ano 345 e pela proximidade da data de Natal, decidiu-se que este santo era a imagem perfeita para distribuir presentes e guloseimas às crianças. Foi nomeado santo patrono da Grécia, Turquia e Rússia.

O nome de Santa Claus surge do nome em alemão com o que se reconhece San Nikolaus. A tradição foi crescendo na Europa perto do século XII. Mas chegados ao ano 1823, um escritor inglês, Clemente Moore, escreveu o famoso poema "Uma visita de São Nicolau" onde descreve perfeitamente o Papai Noel que cruzava os céus em um trenó puxado pelas suas nove renas para distribuir os presentes a tempo.

Mas os Estados Unidos não ficaram atrás, em 1931 encarregaram uma famosa marca de refrigerantes que fizesse uma caricatura deste homem idoso, representado com uma roupa vermelha, cinto e botas pretas.

Hoje em dia, a história centra-se em um Papai Noel que vive no Polo Norte junto com a sua esposa e com um grupo de duendes que fabricam os brinquedos durante todo o ano. Quando chega 24 à noite, o Papai Noel mete todos os brinquedos em uma sacola e monta o seu trenó para distribuir os presentes em cada árvore de natal.

O significado da rena de Natal - Papai Noel, o protagonista

As renas de Natal, mais que um simples símbolo

Para conhecer o significado da rena de natal, devemos continuar investigando sobre estas criaturas mágicas que arrastam o trenó do Papai Noel. Têm poderes mágicos e são voadoras. Nascem graças ao poema que mencionamos anteriormente do escritor Moore que, só deu vida a oito delas: as quatro da esquerda são fêmeas (Cometa, Acrobata, Trono, Brioso) e os quatro da direita são macho (Cupido, Relâmpago, Bailarino, Brincalhão).

Em 1939, depois do conto de Robert L. Mays intitulado "Christmas Story" dá vida a uma nona rena chamada Rudolph (Rodolfo) que ficaria situado na frente do trenó e tem uma cor branca. Mas o seu conto estaria muito relacionado com uma lenda escandinava onde o Deus Odín tinha um cavalo branco de 8 patas que levava o Papai Noel com o seu ajudante, Black Peter, a distribuir presentes. As histórias foram se fundindo e nasceram as 8 renas. Também se diz que os duendes são os responsáveis por cuidar e alimentar as renas. Repartem o tempo entre a produção de presentes e as renas.

Embora digamos que são criaturas mágicas, que voam, também são animais de carne e osso, mágicos, mas que não voam. São de vital importância nos povos do Ártico onde realizam tarefas muito diversas. Fazem parte de comunidades indígenas e colaboram para os manterem quentes e vinculados com o resto do mundo.

Fazem parte da família dos cervos, com um pelo grosso e muito espesso para poderem enfrentar as baixas temperaturas. São animais migratórios que vivem em rebanhos e quando começam as épocas mais frias podem fazer migrações de até 5.000 km. Atualmente vivem na região ártica da América do Norte, Rússia, Noruega e Suécia.

São animais pacíficos que se alimentam no estado selvagem de ervas, cogumelos, cortiças de árvores, etc. Basicamente são ruminantes, como a vaca ou a ovelha. Têm um olfato excelente, uma vez que ao viverem em regiões onde o seu alimento fica enterrado debaixo de intensas camadas de neve, têm que ter uma forma de o encontrar, o olfato. São presas e os seus principais inimigos são os lobos, a águia real, linces, ursos e... o ser humano. Penso que este breve resumo nos dá a conhecer um pouco mais sobre estes bonitos animais que, quase sem querer, são também eles protagonistas no Natal.

O significado da rena de Natal - As renas de Natal, mais que um simples símbolo

Se deseja ler mais artigos parecidos a O significado da rena de Natal, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Escrever comentário sobre O significado da rena de Natal

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

O significado da rena de Natal
1 de 3
O significado da rena de Natal

Voltar ao topo da página