Partilhar

O que fazer em caso de mordida de cachorro

Por Nelson Ferreira, Redator do Perito Animal. Atualizado: 3 abril 2019
O que fazer em caso de mordida de cachorro

Ver fichas de  Cachorros

A mordida de um cão pode ser mais ou menos grave dependendo do tamanho do cão e das suas intenções. Um cão pode morder por se sentir ameaçado, por redirecionar a mordida diante de uma situação de estresse ou pelo seu passado como cão de sparring. Dependerá do cachorro e da circunstância.

Seja qual for o motivo pelo qual o cachorro tenha mordido deve tratar a sua ferida, caso contrário pode sofrer uma infeção grave.

Continue lendo para saber o que fazer em caso de mordida de um cachorro, veja quais são os primeiros socorros.

Também lhe pode interessar: 10 conselhos para evitar mordida de cachorro

Porque os cachorros mordem

Embora se possa tratar de um cachorro de tamanho muito pequeno o certo é que todos os cães podem morder-nos em algum momento. A educação e a socialização que lhe oferecemos durante a sua vida fará com que o nosso animal de estimação tenha predisposição ou não para mostrar este comportamento.

Podemos ser mordidos por um cachorro numa infinidade de ocasiões e especialmente se trabalharmos com animais dos quais desconhecemos o seu comportamento. Muitos voluntários de refúgios sentir-se-ão identificados ao ler este artigo, todos eles já devem ter sofrido uma mordida, como por exemplo já me aconteceu a mim.

Que um cachorro morda não significa em absoluto que seja mau, pode acontecer por diversos motivos que vamos analisar:

  • Pode morder ao se sentir encurralado ou ameaçado
  • Por receber uma agressão física
  • Por tentar utilizar técnicas não adequadas de educação
  • Pode redirecionar a sua agressividade para nós no momento em que luta com outro cão (consequências graves de stress)
  • Por dominância e controlo das suas "posses"
  • Por medo (se nunca conviveu com pessoas)
  • Cães vítimas de sparring
  • Cães utilizados em lutas
  • Cães com os quais se brinca de forma inapropriada
  • E muito outros fatores

Devemos ter bem claro que seja qual for o motivo pelo qual o cachorro nos mordeu que esse mesmo fator não tem nada a ver conosco (sempre que tratemos o cachorro com respeito e cuidado), esta situação é provavelmente uma herança do seu triste passado.

O que fazer em caso de mordida de cachorro - Porque os cachorros mordem

Como agir diante de um cachorro que nos quer morder

Para começar devemos agir com serenidade e calma, embora o cachorro nos tenha mordido ou o queira fazer, em nenhum caso devemos gritar ou alterarmo-nos excessivamente, isso fará com que o cachorro se exalte ainda mais.

O fundamental em qualquer caso ou situação será afastar-se rapidamente do estímulo que possa ter alterado o cão, enquanto damos pequenas puxadas para cima com a correia: não se trata de esganar o cão, temos que o fazer por períodos de tempo muito curtos, desta forma estamos a distraí-lo. Sempre sem magoar o cachorro.

Devemos tentar distrair a atenção do cachorro ao mesmo tempo que afastamos a correia do nosso corpo o mais longe que conseguirmos. Ofereça-lhe guloseimas espalhadas pelo chão ou isole o cão num local seguro para ele e para si, esta são sem dúvida as melhores opções.

O que fazer em caso de mordida de cachorro - Como agir diante de um cachorro que nos quer morder

Um cachorro me mordeu, o que devo fazer agora?

Se definitivamente e apesar das suas tentativas para o evitar o cachorro mordeu-lhe, deverá seguir os conselhos do PeritoAnimal:

  1. Para começar, se a mordida é superficial ou pouco profunda, lave bem a ferida com água e sabão. deve eliminar todos os restos de sujidade que possam ter ficado na ferida. Se a ferida for muito grande ou aparatosa, depois de limpa com água deve tapá-la com uma gaze estéril para evitar derramar mais sangue.
  2. Agora é o momento de recorrer ao médico. Os cachorros têm na sua boca uma grande quantidade de bactérias que podem originar uma infeção, o médico irá prescrever um tratamento com antibióticos.
  3. Por último e se não não as recebeu anteriormente, o médico deverá administrar-lhe a vacina antirrábica. É muito importante que o faça se se trata de um cão abandonado e desconhece o seu estado de saúde. Mais ainda se acredita que possa ter raiva.

Se se tratar de um ferida muito profunda ou de um rasgão, acuda de imediato ao centro de saúde mais próximo.

Se você quiser saber mais sobre a dentição canina confira esse artigo do PeritoAnimal.

O que fazer em caso de mordida de cachorro - Um cachorro me mordeu, o que devo fazer agora?

Depois da mordida, as consequências

As consequências da mordida de um cachorro podem ser várias e dependerão da situação e evidentemente de si:

  • No caso de lhe ter mordido o cão de uma pessoa da mesma rua, tem direito a fazer uma denuncia podendo receber uma compensação por isso. Deve ser responsável e sincero, não poderá exigir nada se o cão em questão transitava adequadamente (com correia e focinheira se se tratar de um cão potencialmente perigoso) e você decidiu aproximar-se.
  • Se o cachorro que lhe mordeu é um cão de rua ou parece não ter dono, o melhor será que chame os serviços do seu país encarregados de lidar com essa situação, policia civil, refúgios... Não deve permitir que volte a suceder, isso coloca em risco outras pessoas ou até mesmo a vida do animal.
  • Como último exemplo acrescentamos os cães de um refúgio animal, neste caso, ao ser voluntário supõe-se que aceitou (por escrito) as condições do centro e sem sombra de dúvidas não poderá formalizar uma denúncia. Você é voluntário!
O que fazer em caso de mordida de cachorro - Depois da mordida, as consequências

Se deseja ler mais artigos parecidos a O que fazer em caso de mordida de cachorro, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Escrever comentário sobre O que fazer em caso de mordida de cachorro

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

O que fazer em caso de mordida de cachorro
1 de 5
O que fazer em caso de mordida de cachorro

Voltar ao topo da página