Exercício para gatos obesos

Exercício para gatos obesos

São muitas as pessoas que não se apercebem que o seu gato está engordando até que já é demasiado tarde e o animal sofre de um problema de obesidade grave. Sabemos que os gatos gordinhos são uma doçura, mas a realidade é que se quer que seja um felino que tenha uma expectativa de vida maior e saudável deverá tomar alguns cuidados para ele emagrecer.

Se este é o seu caso, então este artigo do PeritoAnimal é do seu interesse pois vamos lhe oferecer várias ideias para que o seu gato comece a exercitar-se de uma forma dinâmica e divertida junto a si.

Vamos começar? Descubra que tipo de exercício para gatos obesos lhe propomos além de conselhos importantes sobre a sua alimentação.

O que devemos considerar

Os gatos são animais com um estilo de vida muito particular, não pudemos querer que um felino sedentário de repente passe muitas horas a fazer exercício porque lhe comprou um arranhador com uma bola, o gato para se mexer precisa de ser motivado.

Devemos dedicar cerca de 20 minutos por dia a exercitar o nosso amigo de quatro patas para começar a notar os resultados em um ou inclusive dois meses. Devemos ser cautelosos e não nos excedermos, deve ser algo divertido e atrativo para o gato.

1. Exercício com jogos de inteligência

Existe uma grande variedade de jogos de inteligência muito úteis que poderá utilizar para motivar o seu gato. Alguns expelem guloseimas, outros utilizam brinquedos ou sons, dependerá de si encontrar o que pode ser mais atrativo para ele.

Também pode pensar em jogos de inteligência mais simples e baratos como por exemplo adquirir um kong para gatos.

Sabe o que é?

Consiste num brinquedo que devem agitar e mexer para conseguir tirar de dentro as guloseimas, além de fomentar o movimento será de grande ajuda ao ser homologado, pois é totalmente seguro, ajuda a superar a ansiedade por separação ou os momentos longos sem a nossa presença e pode ser utilizado sem supervisão.

2. Exercício ativo

Neste tipo de exercício para gatos entra você, pois deve ser a sua principal fonte de motivação, deve agir como um treinador que tenta conseguir o melhor rendimento do seu aluno, sempre sem nos excedermos.

Faça isso com brinquedos que o motivem e que goste especialmente, no PeritoAnimal recomendamos aqueles que fazem barulho, sons ou luzes pois conseguem captar melhor a sua atenção. Como referimos anteriormente, deverá dedicar pelo menos 20 minutos a perseguir esses brinquedos e a se exercitar de forma ativa.

  • Evite utilizar luzes laser pois costumam frustrar e estressar o gato ao nunca as conseguir pegar. O melhor é utilizar um brinquedo físico que possa caçar de vez em quando.

3. Exercício passivo

Pode conseguir que o seu gato se exercite sem se dar conta dentro da sua casa, para isso deverá analisar a estrutura da sua casa e dos móveis que tem nela.

Algumas ideias:

  • Tem escadas? Reparta a sua alimentação em duas e situe as porções em cada um dos extremos das escadas, deste forma subirá e descerá para comer tudo.
  • Espalhe os seus brinquedos em diferentes pontos da casa: mesas, camas, bancadas, armários... Deverá se movimentar para acessar a todos, para além disso certifique-se de que ficam um pouco à vista, caso contrário não os vai encontrar.
  • O seu gato é sociável? Pode pensar em adotar um gato de um refúgio, se se derem bem podem se converter em autênticos amigos inseparáveis e isso irá levá-lo a mexer-se mais e a brincar.

Estes são apenas alguns conselhos, deve pensar em ideias que possa funcionar com o seu gato, pois você conhece-o melhor que nós.

4. Outras ideias para o exercício dos gatos

Cada vez mais pessoas dedicam parte do espaço das suas casas aos seus animais de estimação, nos caso dos gatos encontramos uma grande variedade de móveis até salas de jogos. Você também pode conseguir a sua com pontes e prateleiras fixas, experimente!

Sabia que existem rodas para gatos? A invenção de Sean Farley surpreendeu todos por ser reciclado e por oferecer benefícios evidentes nos felinos. Além de ajudar a exercitar os animais, também os relaxa e elimina o estresse. Se ainda não experimentou, do que está à espera?

Alimentação do seu gato obeso

No nosso artigo sobre prevenir a obesidade em gatos falamos sobre a importância de uma alimentação correta. Podemos encontrar à venda uma grande variedade de rações light ou baixas em calorias, consulte o seu veterinário para saber qual é o melhor para o seu gato.

  • Os snacks e guloseimas também devem ter um teor calórico baixo.

É importante destacar que devemos oferecer ao nosso gato a quantidade adequada de ração, uma vez que em excesso não vai impedir que o nosso felino continue ganhando peso. Consulte o profissional sobre a possibilidade de adicionar uma proporção maior de comida úmida, uma ideia benéfica uma vez que contém grandes quantidades de água e melhora a depuração e hidratação do gato.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Exercício para gatos obesos, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Jogos e diversão.