Partilhar

Cuidados com as patas do cachorro

 
Por Aline Kitamura Prata, Estudante de Medicina Veterinária. Atualizado: 22 dezembro 2017
Cuidados com as patas do cachorro

Ver fichas de  Cachorros

Há diferentes raças de cachorros que foram pensadas e criadas para serem desde animais de companhia, até a animais mais resistentes para corrida, caça e exercícios mais pesados. E, cães por serem animais que adoram correr, pular e brincar, é necessário reforçar alguns cuidados que temos que ter no dia-a-dia e que muitas vezes acabam passando desapercebidos entre os tutores.

As patas são essenciais para que o cachorro se apoie e se locomova entre os mais diversos tipos de locais e terrenos. Porém, às vezes, essas regiões não recebem a devida atenção por parte dos tutores e um problema pequeno pode acabar se tornando um problema maior, trazendo bastante desconforto aos cães.

Ficou curioso? Então, continue lendo no PeritoAnimal para saber quais são os devidos cuidados que se deve ter com as patas do cachorro e siga nossas dicas.

Também lhe pode interessar: Por que meu cachorro morde as patas?

Cortar as unhas do cachorro

A dica básica é que as unhas do seu cachorro devem sempre estar no tamanho adequado para evitar demais acidentes. A regra é que o comprimento deve ser de tal forma que a unha encoste sua ponta no chão, então, se elas estiverem muito grandes podem trazer bastante desconforto ao cachorro.

Você mesmo pode aparar as pontas das unhas do seu cachorro com o uso de alicates apropriadas para cães, e que variam de acordo com o porte de cada raça. No entanto, é necessário tomar cuidado com esse procedimento, pois há um vaso sanguíneo no interior da unha, e que se for cortado, pode sangrar bastante. Siga estas Dicas para cortar as unhas de um cachorro em casa do PeritoAnimal.

Se não se sentir seguro quanto a realizar esse procedimento sozinho, ao levar seu cachorro ao Pet Shop, peça ao profissional que mantenha as unhas do seu cachorro sempre aparadas.

Cuidados com as patas do cachorro - Cortar as unhas do cachorro

Cortar os pelos da pata do cachorro

O profissional, ao aparar as unhas, também deve cortar o excesso de pelos entre as almofadinhas das patas, chamadas de coxins. Se não forem aparados, o excesso de pelos entre os dedos facilita o aparecimento de bactérias, fungos, e ainda podem formar nós, se enroscarem nas unhas, o que repuxará a pele e machucará os coxins.

Almofadas das patas dos cães - limpeza dos coxins

Diariamente e principalmente após idas a parques ou outros passeios, verifique os coxins e entre os dedos se não há nada em que o cão possa ter pisado e acabou por ficar preso, como pedacinhos de graveto, espinhos, pedrinhas, cacos de vidro, etc. Caso encontre algo remova com uma pinça.

Hidratar as patas do cachorro

Principalmente no inverno, os coxins podem ficar bastante ressecados e racharem, da mesma forma que os nossos pés. Além de propiciar uma porta de entrada para infecções por bactérias, pois os cães estão em contato direto com o solo, é bastante incômodo e doloroso pisar no chão com as patas rachadas, então verifique com o seu médico veterinário um bom hidratante apropriado para cães.

Massagem nas patas

Ao fazer uso do hidratante nas patas do seu cachorro, aproveite para massageá-las. Isso melhora a circulação local, estimula as ligações nervosas, e pode evitar problemas no futuro.

Carrapato na pata do cachorro

Carrapatos são ectoparasitas que podem transmitir várias doenças, e procuram locais seguros e quentes para se alojarem em seus hospedeiros. Muitas vezes, ao encontrarmos um carrapato no cachorro, nos esquecemos de que entre os dedos das patas são um dos lugares favoritos para o carrapato se alojar.

Se encontrar um carrapato, não o esmague, pois isso pode ocasionar a liberação de milhares de ovos invisíveis a olho nu no ambiente, tornando a descontaminação do ambiente mais difícil. Utilize pinças especiais para a remoção do carrapato e jogue-o em um pote com álcool.

Cuidados com as patas do cachorro no verão

Os coxins podem parecer resistentes para alguns, porém são bastante frágeis se expostos a temperaturas elevadas. Portanto, ao passear com seu cachorro em dias muito quentes, evite horários entre as 11h da manhã até as 16h da tarde, que são horários em que o sol está a pino no céu e as ruas e calçadas estão demasiadamente quentes.

Prefira horários antes das 10h da manhã ou mais ao entardecer, após as 16h da tarde.

Uma dica para saber se o chão está muito quente, é você mesmo tirar o sapato e sentir a temperatura do chão com o pé descalço, ou encostar a palma da mão no chão. Dessa forma, se a temperatura é adequada a você, ela certamente será adequada ao seu cachorro sem o risco de queimar suas patas.

Sapato para cachorro faz mal?

O uso de sapatos pode ser útil em passeios nos quais o terreno é muito acidentado ou que possam ferir as patas do cachorro, no entanto não são todos os animais que se adaptam ao acessório.

Fique atento ao uso dos sapatos, pois cães diferentemente de humanos não suam, então suas glândulas sudoríparas, responsáveis pela termorregulação, nos cães se concentram nos coxins. Em dias muito quentes, se o cão permanecer muito tempo com os sapatos, as patas podem ficar quentes demais, e úmidas contribuindo para a proliferação de fungos.

Como evitar machucado nas pata do cachorro

Seguindo todas essas dicas de cuidados que você deve ter com as patas do seu cachorro, certamente você estará contribuindo para a melhoria da qualidade de vida dele.

Por fim, pense nas patas do seu cachorro como seus pés, cuide bem do piso da sua casa e do seu quintal, evitando terrenos acidentados, rudimentares e com pedregulhos, arames ou qualquer outra coisa que possa ferir as patinhas do seu cachorro.

Para qualquer cuidado com as patas do cachorro, ensinar o cachorro a dar a pata é muito útil! Leia o nosso artigo que explica como o fazer passo a passo.

Cuidados com as patas do cachorro - Como evitar machucado nas pata do cachorro

Se deseja ler mais artigos parecidos a Cuidados com as patas do cachorro, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Cuidado das unhas.

Escrever comentário sobre Cuidados com as patas do cachorro

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

Cuidados com as patas do cachorro
1 de 3
Cuidados com as patas do cachorro

Voltar ao topo da página