Como cortar as unhas a um coelho

Como cortar as unhas a um coelho

Os coelhos são animais pequenos que têm uma aparência peluda e suave, que por vezes pode lembrar uma pequena bola de pelo, tornando-os seres adoráveis.

O coelho é um mamífero delicado que precisa de muitos mais cuidados do que se pode pensar ao início, não basta apenas dar-lhe cenouras.

Por isso, no PeritoAnimal queremos explicar-lhe como cortar as unhas a um coelho, pois sabemos o quanto estes animais se podem assustar se o abordar de forma inadequada na hora de o ajudar com a sua rotina de higiene.

Quando deve cortar as unhas do seu coelho?

De certeza que já se questionou sobre se é realmente necessário cortar as unhas do seu coelho e, a verdade é que sim, sobretudo para evitar que o arranhe a si ou a outros pets que tiver em casa, ou que a sua unha fique presa em algum lado e isso o magoe.

Em estado selvagem, o coelho não precisa de cortar as suas unhas, pois a escavação, as corridas e desenterrar na terra vai desgastando as unhas do animal de forma natural, mas isto é muito pouco provável se o seu coelho viver em um apartamento ou casa em que não tem contato com o exterior.

As unhas das patas da frente dos coelhos crescem mais rapidamente que as traseiras, por isso precisam de ser cortadas com mais frequência. Com que frequência cortar vai depender da velocidade a que as unhas crescem. No entanto, a cada 4 ou 6 semanas poderá verificar o seu comprimento, pois é provável que já seja necessário cortar as suas unhas.

Como saber se é o momento certo para as cortar? Se as unhas se dobram ou se consegue ouvi-las quando o seu coelho salta no piso, então é porque já estão demasiado compridas e precisam de ser cortadas.

Fatores a ter em conta

Antes de cortar as unhas do seu coelho, precisa de conhecer algumas coisas para evitar acidentes e fazer com que esta rotina não cause traumas no animal:

  • Vai precisar da ajuda de uma ou talvez duas pessoas, pois embora sejam pequenos, os coelhos podem ter muita força quando se sentem ameaçados.
  • Precisa de um corta unhas especial para coelhos ou, na falta dele, um para gatos.
  • As unhas têm uma forma inclinada, deve respeitar isto no momento de fazer o corte.
  • Tal como as unhas dos gatos, as dos coelhos são muito delicadas e poderá magoá-los se as cortar de forma incorreta. Cada unha tem uma secção branca e dentro desta pode ver-se uma parte vermelha, que é chamada de carne viva. A carne viva está constituída por vasos sanguíneos e sob qualquer circunstância deve ser cortada, pois é doloroso para o seu coelho e poderá sangrar. Se as suas unhas forem mais escuras, aproxime uma luz para detetar a zona onde está a carne viva, que aparecerá como uma mancha. Deve cortar sempre longe desta secção, apenas nas pontas.
  • Se cortar mais que aquilo que deve, deverá aplicar de imediato um anticoagulante para parar a hemorragia.
  • Durante todo o processo, tranquilize o coelho com carícias e palavras doces.
  • Corte as unhas em um lugar iluminado, para evitar acidentes.

Cortando as unhas do coelho

Uma vez localizada a parte das unhas do seu coelho que deve cortar, é o momento de colocar mãos à obra. Para isso vai precisar de:

  • Um corta unhas de coelhos ou gatos.
  • Um ajudante.
  • Uma toalha.
  • Um hemostático ou farinha para cozinhar.

Antes de começar, você e o seu ajudante deverão estar calmos, pois uma atitude nervosa pode colocar o coelho em alerta. Peça ao seu ajudante que segure no coelho e o acaricie até que o animal esteja calmo e relaxado. Quando o coelho estiver calmo, pode fazer alguma destas duas coisas:

Pode optar por pedir ao seu ajudante que segure no coelho contra o seu peito, imobilizando-o mas sem exercer pressão, pois o corpo deste mamífero é muito delicado e pode magoá-lo facilmente. Nunca faça pressão sobre as suas costas, pois poderia quebrar-lhe a coluna vertebral.

Se o seu coelho estiver muito nervoso, pode pressionar ligeiramente as suas ancas e lados, pois isto irá lembrar-lhe do movimento apertado dos outros coelhos quando estão dentro de uma toca.

Enquanto o seu ajudante o segura, pegue em cada pata e retire o pelo que está ao redor. Faça pequenos cortes em cada unha, uma por uma, com cuidado para não tocar na carne viva. Ao fazer isto, lembre-se de lhe fazer carícias e dizer palavras doces.

Se apesar de todos estes cuidados, o coelho continuar a contorcer-se, deverá optar pela segunda opção que é enrolá-lo em uma toalha deixando a cabeça e as orelhas para fora, e ir tirando cada pata para fora para cortar as unhas. Para evitar que o corpo do animal sobreaqueça, dê-lhe um descanso fora da toalha quanto terminar com cada pata.

No caso de cortar os vasos sanguíneos por acidente, aplique hemostático sobre a ferida para coagular o sangue. O hemostático é um pó capaz de parar as hemorragias. Use-o no caso de ser necessário e observe a recuperação das unhas. Se vir que o estado piora, consulte o veterinário de imediato.

Repita todo o processo de corte com cada unha. No caso de não conseguir que alguém o ajude e tiver de o fazer sozinho, recomendamos que:

O coloque de boca para cima sobre os seus joelhos, com a cabeça perto do seu cotovelo, pois assim irá cobri-lo com o braço. Com uma das suas mãos pegue numa pata e com a outra corte a unha. Se este método para cortar as unhas sem ajuda não resultar, tente com a técnica da toalha que já explicamos.

Não se esqueça que alguns coelhos têm medo das alturas, por isso se notar que está especialmente assustado quando você ou o seu ajudante o agarrarem, o melhor será tentar fazer o procedimento no solo.

Em último caso, consulte um médico veterinário que corte as unhas do coelho, se for impossível realizar você mesmo. Lembre-se que o mais importante é a saúde do animal, por isso se não se sente seguro e tem medo de cortar os vasos sanguíneos, o melhor é deixar este trabalho nas mãos dos profissionais.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Como cortar as unhas a um coelho, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Cuidado das unhas.