Anemia em gatos - Sintomas e tratamento

Anemia em gatos - Sintomas e tratamento

Apesar de gatos e cachorros serem animais muito diferentes, a verdade é que um gato necessita da mesma atenção veterinária que um cachorro, tal como uma alimentação adequada, companhia, tempo e toda a dedicação que lhe possamos dar.

O motivo é que a nossa responsabilidade como proprietários é que o nosso gato desfrute de um pleno estado de saúde e bem-estar, tanto físico, como psíquico e social, e isto passa por nos informarmos sobre as várias doenças que podem afetar o nosso felino.

Descubra neste artigo do PeritoAnimal alguns dos sintomas e tratamentos da anemia em gatos, para que saiba o que é esta doença, como se manifesta e como devemos agir diante dela.

O que é a anemia?

O termo anemia medicamente significa falta de algum elemento no sangue e trata-se de um doença que os seres humanos também podemos sofrer. Existem dois tipos de anemia que podem afetar o nosso gato.

Quando falamos da anemia em gato, esta condição define-se por um número diminuto de glóbulos vermelhos no sangue, sendo este glóbulos as células encarregadas de transportar o oxigênio para nutri os tecidos e o dióxido de carbono até que este se elimine através da respiração.

Como veremos em seguida, a anemia pode ser causada por muito fatores, mas todos eles têm como resultado uma diminuição nos glóbulos vermelhos e a hemoglobina, que é o pigmento responsável pela captação e transporte do oxigênio.

Causas da anemia em gatos

Entre as principais causas da anemia em gatos devemos destacar as seguintes:

  • Perda de sangue por hemorragia externa ou interna
  • Doença auto-imune
  • Infecção viral
  • Doença renal
  • Câncer
  • Reação adversa a fármacos

 

Sintomas de anemia em gatos

Como mencionámos anteriormente, os glóbulos vermelhos são responsáveis por transportar o oxigênio, assim sendo, caso se sofre anemia, os tecidos que formam o organismo do nosso gato não receberão oxigênio suficiente, manifestando-se esta condição principalmente através de letargia, cansaço e baixa tolerância ao exercício físico.

No entanto, outros sintomas que podem indicar anemia são os seguintes:

  • Diminuição do apetite
  • Perda de peso
  • Palidez das mucosas

Como se diagnostica a anemia em gatos?

Para diagnosticar a anemia em gatos dispomos principalmente de duas provas analíticas que se realizam através de uma extração de sangue e posterior estudo da nossa amostra:

  • Hematócrito: Indicará o volume de glóbulos vermelhos presentes no sangue do gato, determinando se este intervalo é normal ou se pelo contrário corresponde a um estado de anemia.
  • Hemograma: Também conhecido como contagem sanguínea completa, esta análise dá-nos informação sobre todos os elementos do sangue, glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas.

Obviamente não basta diagnosticar a anemia, é prioritário estabelecer a causa, para isso o veterinário terá em conta o historial clínico do gato, todos os sintomas que apresenta, fará uma exploração física completa e também deverá descartar a presença de doenças virais como a leucemia.

Tratamento da anemia em gatos

O tratamento da anemia dependerá principalmente da causa e no caso de estar diante de uma anemia severa pode ser necessária uma transfusão sanguínea para restaurar os níveis de glóbulos vermelhos.

Esta ferramenta terapêutica será tida em conta não só quando a anemia seja grave assim como também quando esta é causada por algum tipo de hemorragia, e por vezes podem ser necessárias várias transfusões sanguíneas até que o próprio organismo do animal seja capaz de sintetizas novos glóbulos vermelhos saudáveis.

As outras ferramentas terapêuticas que se podem usar dependerão da causa subjacente e o tratamento deverá estar orientado em eliminar ou tratar o fator desencadeante da anemia.

É possível prevenir a anemia em gatos?

Algumas das causas da anemia em gatos são imprevisíveis e a sua prevenção pode ser muito difícil, no entanto, podemos empregar várias medidas que nos ajudem a manter o bem-estar do nosso gato e a prevenir em maior medida esta doença:

  • Tente manter o seu gato no interior de casa para assim evitar a transmissão de doenças infecciosas, se o seu gato tem contacto com o exterior, consulte o seu veterinário sobre que vacinas são mais adequadas para a prevenção destas doenças.
  • Desparasite o seu gato de forma frequente.
  • Procure que o seu gato siga uma alimentação saudável e equilibrada e permaneça atento a qualquer mudança de hábitos.

Este artigo é meramente informativo, no PeritoAnimal.com.br não temos capacidade para receitar tratamentos veterinários nem realizar nenhum tipo de diagnóstico. Sugerimos-lhe que leve o seu animal de estimação ao veterinário no caso de apresentar qualquer tipo de condição ou mal-estar.

Se deseja ler mais artigos parecidos a Anemia em gatos - Sintomas e tratamento, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Doenças cardiovasculares.