Partilhar

5 coisas que faz mal quando passeia o seu cão

Por Nelson Ferreira, Redator do Perito Animal. Atualizado: 1 março 2018
5 coisas que faz mal quando passeia o seu cão

Ver fichas de  Cachorros

Passear um cão não significa unicamente descer para rua e deixar que faça as suas necessidades. Vai muito além disso. O momento de passeio deve permitir o seu relaxamento e o bem-estar do animal, contemplando sempre o que é o melhor para ele.

Neste artigo vamos explicar-lhe 5 coisas que faz mal quando passeia o seu cão, para que tente evitá-las e mudar para melhor.

Em seguida mostramos-lhe os problemas básicos do passeio com que se deparam a maioria das pessoas, descubra se também é uma delas.

Também lhe pode interessar: 5 coisas engraçadas que os gatos fazem

1. Não os deixar farejar e cheirar

É normal que sofra uma ligeira sensação de repulsa quando observa o seu cachorro cheirando xixi ou sujidade no chão, é normal. No entanto, deve entender que faz parte da natureza dos cães. Quando têm este comportamento acontecem duas coisas muito importantes:

  • Relaxamento: os cachorros estressados ou aqueles que são muito inquietos são beneficiados se farejarem sem pressão. Permite que relaxem e canalizem o seu nervosismo.

  • Meio envolvente: as urinas informam o seu cão sobre quem convive na mesma zona: se são machos, fêmeas ou filhotes. Tudo isso ajuda-os a se orientarem e a entenderem melhor onde vivem e quem transita por essa região.

Se o seu cão está devidamente vacinado não tem porque se preocupar, não vai pegar nenhuma infecção. No entanto, pode escolher passear por lugares mais "verdejantes" para evitar a sujidade excessiva dos ambientes mais urbanos.

Porque o meu cão não fareja?

Se o seu cão parece não mostrar nenhum interesse em cheirar e farejar as outras urinas, flores ou recantos pode tratar-se de um problema de estresse. Ele anda nervoso? Alterado? Mostre-lhe como o fazer usando um "isco":

  1. Situe-se em um lugar com árvores ou minimamente limpo, nunca no meio da cidade.
  2. Procure um terreno irregular para o fazer.
  3. Espalhe ração em um metro quadrado.
  4. Espere até o cão encontrar o alimento com o seu faro.
5 coisas que faz mal quando passeia o seu cão - 1. Não os deixar farejar e cheirar

2. Puxar a correia quando o cão também a puxa

Vamos ser sinceros consigo: não vai conseguir nada dando puxões. No Peritoanimal estamos fartos de observar maus conselhos que circulam pela Internet. Embora não acredite, dar puxões de correia ou guida do seu cão provoca estresse e possíveis complicações de saúde como por exemplo a pressão intraocular ou os problemas de garganta. Deixe de o fazer imediatamente.

O que devo fazer se o meu cão puxa a guia?

Em primeiro lugar deve comprar um arnês anti-puxões como o que observa na imagem. Em segundo deve modificar os hábitos de passeio tal como lhe explicamos no nosso artigo sobre conselhos para evitar que o cachorro puxe a guia.

5 coisas que faz mal quando passeia o seu cão - 2. Puxar a correia quando o cão também a puxa

3. Gritar-lhes ou bater-lhe quando se pegam com outro cão

Desde já esta atitude é totalmente reprovável: não deve bater NUNCA em um cão. Se observar que ladra ou tenta atacar outros cães tem que recorrer a um profissional, ir embora desse local rapidamente ou, pelo menos, informar-se sobre as pautas que deve seguir, utilizando sempre o reforço positivo.

Tal como faria com um filho, deve procurar fazê-lo sentir-se bem e ajudá-lo a superar os seus problemas ou medos de forma adequada. Recorra a um etólogo se for necessário. Utilizar a agressividade apenas fará com que o cão passe um mau momento e a sua relação com os outros cães não possa avançar a melhor forma.

A melhor forma de educar um cão é ensinando-lhe como se comportar. Se durante o passeio está nervoso, tenso e agressivo, o próprio animal seguirá esse exemplo. É melhor oferecer-lhe um passeio tranquilo e relaxado evitando situações que possam desencadear uma reação negativa.

5 coisas que faz mal quando passeia o seu cão - 3. Gritar-lhes ou bater-lhe quando se pegam com outro cão

4. Não permitir que se relacionem

Exceptuando os cães que tenham um comportamento agressivo com outros, é muito importante que deixe o seu cão se relacionar com os outros. É fundamental que os animais possam se relacionar entre eles.

Pode simplesmente encontrar um cão na sua mesma região com o qual possam passear juntos. Em algumas ocasiões surgem conflitos, mas isso não deve acabar com a vontade de se relacionar com outros cães, é muito importante para conseguir que se mantenha um cão social e afetivo.

5 coisas que faz mal quando passeia o seu cão - 4. Não permitir que se relacionem

5. Passeios demasiado curtos ou excessivamente longos

Deve entender que cada cão é único e tem umas necessidades concretas no que diz respeito aos hábitos de passeio: os cães mais nervosos necessitam de mais tempo, os de idade avançada precisam de tranquilidade e aqueles com uma respiração dificultada menos exposição ao calor intenso (como pode ser o caso dos pug)

Deve analisar as necessidades do seu cão de forma concreta e exercitá-lo se for necessário com diferentes atividades físicas, sempre adaptadas a ele e ao seu ritmo.

Regra geral, o passeio de um cão deve durar entre 20 a 30 minutos e deve repetir-se entre duas a três vezes por dia. Esforce-se por oferecer um passeio adequado ao seu cão e verá um melhor comportamento, atitude e felicidade nos seus olhos.

5 coisas que faz mal quando passeia o seu cão - 5. Passeios demasiado curtos ou excessivamente longos

Se deseja ler mais artigos parecidos a 5 coisas que faz mal quando passeia o seu cão, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Educação básica.

Escrever comentário sobre 5 coisas que faz mal quando passeia o seu cão

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

5 coisas que faz mal quando passeia o seu cão
1 de 6
5 coisas que faz mal quando passeia o seu cão

Voltar ao topo da página