Partilhar
Partilhar em:

10 conselhos para fotografar cachorros

10 conselhos para fotografar cachorros

Ver fichas de  Cachorros

Hoje em dia a fotografia tem um papel importante em nossas vidas. Tantos os livros, os meios de comunicação, Internet, as redes sociais, os aplicativos e outras infinitas opções, permitem-nos consumir, enviar ou receber fotografias de todo o tipo. As redes sociais servem para que partilhe com outras pessoas o que pensa e o que gosta, e isso inclui também o tempo que passa com o seu cachorro.

Uma divertida sessão de fotos entre você e o seu cão não só servirá para relaxar, como também permitirá que partilhem todo esse carinho com o mundo. Muito cães e gatos à volta do mundo têm a sua própria conta de Instagram ou de Facebook, onde as suas famílias publicam os momentos mais hilariantes dos seus animais. Quem sabe se o seu não pode ser um deles? Por esse motivo mostramos-lhe estes 10 conselhos para fotografar cachorros.

Também lhe pode interessar: Conselhos para fotografar gatos

1. Descubra o mundo desde a perspectiva do seu cachorro

Um erro muito comum na hora de fotografar animais é fazê-lo desde a perspectiva humana, sem se colocar à altura do seu pet, de onde ele vê o mundo de maneira diferente. Proceder desse modo faz com que as fotografias saiam um pouco distantes e sem vida.

Convidamos você a agachar-se ou a jogar-se no chão se for preciso, para que perceba as coisas como o faz o seu cão e possa fazer uma excelente foto. Deite-se ao seu lado e obterá uma bela imagem dele e do mundo que o rodeia.

2. Concentre a sua atenção no seu olhar

Costuma-se dizer que os olhos são o espelho da alma, e isto aplica-se também aos animais. O olhar do seu cachorro expressa o seu estado de ânimo e asseguramos que ele irá mostrar na perfeição a sua personalidade.

 

3. Não force as situações

Fazer um retrato do seu cachorro esperando que permaneça quiete é um pouco complicado e o mais provável é que você saia frustrado dessa situação. Os cães, inclusivamente os mais tranquilos, muito raramente ficam imóveis por muito tempo enquanto estão acordados.

Em vez disso, aproveite os momentos de brincadeira, corridas e diversão para captar toda a personalidade do seu cachorro enquanto faz o que mais gosta. Uma foto espontânea mostrará com maior nitidez a essência do seu cachorro, sobretudo se se sente feliz.

4. Leve os seus brinquedos

Os brinquedos favoritos do cachorro não só servirão para o manter distraído, como também servirão para captar momentos engraçados. Pode começar uma divertida luta com o seu boneco favorito, ou usá-lo como chamariz sobre a sua cabeça para que olhe para a câmera. No entanto também pode usar um pau ou qualquer objeto que tiver por perto.

5. Tenha a câmera à mão

Quer seja do seu celular ou um digital, se quer fotografias bonitas do seu cachorro o melhor é que ter sempre uma câmera por perto, visto que os pets são tão espontâneos que nunca sabe quando fará algo divertido ou adorável.

6. Nunca use flash

Se alguma vez ficou encandeado por um flash eu não esperava, então imagine o desconfortável que é para o seu cachorro, que nem sequer tem consciência do que é uma fotografia. Quando se trata de captar esses bons momentos com o seu pet, o flash fica completamente fora de questão: não só será desagradável para ele e irá assustá-lo, além disso, muitas vezes os olhos saem vermelhos ou com expressões nada agradáveis.

7. Procure luz natural

As melhores fotos com o seu cachorro acontecerão com luz natural. Se está brincando com ele no parque aproveite para conseguir alguma, sem descuidar o que está fazendo com o cachorro. Em interiores, prefira os lugares mais perto das janelas para que receba a luz proveniente de fora. Os resultados serão satisfatórios.

8. Configure a sua câmera

Se tirar as fotos com o seu celular, o mais provável é que este não lhe ofereça muitas opções. Procure um tipo de exposição que capte melhor a luz e as cores do ambiente envolvente.

Se, pelo contrário, utilizar uma câmera, que seja digital ou de rolo, poderá fazer alterações mais amplas. Para animais muito inquietos, usar a opção rajada é muito útil, visto que permite tirar muitas fotografias em apenas uns segundos, ideais para captar a ação de uma brincadeira ou uma corrida.

Do mesmo modo, ajuste o obturador a uma velocidade rápida, para maior nitidez ou precisão. Se quiser experimentar, pode tentar com diferentes objetivas que permitam uma maior entrada de luz, ou inclusive com um olho de peixe.

9. Não o aproxime demasiado da câmera

Os cães costumam ficar bem nervosos se manipularmos objetos perto da sua cara, e nesses casos podemos ver alguns sinais de afastamento que nos indicam que se sentem desconfortáveis:

  • Lamber-se excessivamente
  • Girar a cabeça
  • Bocejar
  • Dar-nos as costas

10. Divirta-se!

Fazer um retrato do seu cachorro ou tirarem fotografias juntos deve ser algo divertido para os dois, ou seja, mais uma forma de partilharem as vossas vidas. Verá como pode passar um bom momento não só quando tirar as fotos assim como também no momento em que revisar o resultado final.

Se deseja ler mais artigos parecidos a 10 conselhos para fotografar cachorros, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Comentários (0)

Escrever comentário sobre 10 conselhos para fotografar cachorros

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

10 conselhos para fotografar cachorros
1 de 5
10 conselhos para fotografar cachorros