Partilhar

10 conselhos para evitar mordida de cachorro

 
Por Mariana Castanheira, Médica Veterinária. Atualizado: 1 fevereiro 2018
10 conselhos para evitar mordida de cachorro

Ver fichas de  Cachorros

A mordida de cachorro, especialmente se for de um cachorro de porte médio ou grande, pode ser bastante grave, mais ainda se estivermos falando de crianças. As mordidas mais graves podem causar feridas e lesões e inclusive colocar em risco a vida das pessoas.

Se não está familiarizado com a linguagem canina, saber como evitar que um cachorro lhe morda nem sempre será fácil, por essa razão no PeritoAnimal lhe daremos 10 conselhos para evitar mordida de cachorro, dicas que poderá colocar em prática tanto com os seus como com os desconhecidos.

1. Quando o cachorro não é seu

Devido à confiança e ao vínculo é possível que manipulemos de todas as formas possíveis o nosso cachorro. Contudo, é um erro muito comum supor que qualquer cachorro vá tolerar o mesmo que o nosso. Se você é voluntário num refúgio de animais ou vai conhecer o cachorro do seu melhor amigo, tenha em conta este conselho.

10 conselhos para evitar mordida de cachorro - 1. Quando o cachorro não é seu

2. Ouvir as indicações do tutor

Muitas mordidas de cachorro podiam ser evitadas se todo mundo prestasse atenção às indicações do tutor do cachorro. Quantas vezes já dissemos a alguém que não faça algo e ele termina fazendo de qualquer modo? Se o tutor do animal está pedindo para não dar comida ou para não excitar o cachorro, é por algum motivo. E lembre, embora não esteja relacionada com a agressividade, uma ação sua pode prejudicar o trabalho de semanas.

3. O cachorro nem sempre gosta de beijos e abraços

Esta não é uma regra geral, já que muitos cachorros têm tão bem associadas este tipo de demonstrações de afeto que o aceitam sem problemas. Os abraços e beijos são sinais de amor e carinho utilizados por seres humanos e símios, mas que podem ser invasivos e até agressivos para a maioria dos cachorros.

Os abraços e os beijos na cara do cachorro estão entre as principais causas de mordida, especialmente se forem acompanhadas da imobilização do cachorro. A melhor maneira de mostrar carinho ao cachorro, principalmente a um cachorro desconhecido, é acariciar o peito ou as laterais do pescoço dele.

10 conselhos para evitar mordida de cachorro - 3. O cachorro nem sempre gosta de beijos e abraços

4. Não excite demasiado o cachorro

Com excepção dos cachorros especialmente calmos, a hiper excitação provoca uma diminuição significativa do autocontrole deles. Por esse motivo, é provável que se estivermos brincando de morder e sobre-excitarmos o cachorro, acabemos sendo vítimas de uma mordida.

5. Evitar utilizar o seu corpo para parar a agressão de um cachorro

Se leva um cachorro que está reagindo violentamente ou está perto dele, tenha cuidado e nunca coloque uma perna (ou qualquer parte do seu corpo) no meio para parar o cachorro, isso pode provocar que ele redirecione a mordida para alguma zona do seu corpo.

O melhor que pode fazer, ao passear o seu cachorro, é segurá-lo firmemente (sem asfixiá-lo) a uma distância prudente do seu corpo, com uma trela curta se for necessário. Pelo contrário, se o cachorro se encontrar solto, o melhor é parar o episódio com um jato de água com uma mangueira de água a pressão.

10 conselhos para evitar mordida de cachorro - 5. Evitar utilizar o seu corpo para parar a agressão de um cachorro

6. Evite mal-entendidos

Por vezes, a nossa própria linguagem corporal pode ser percebida de forma negativa por um cachorro. Algo tão insignificante para nós como soprar na cara, olhar fixamente durante muito tempo, brincarmos em cima dele, podem ser interpretados como comportamentos ameaçadores. Evite utilizá-los.

7. Preste atenção aos sinais de aviso

Se, por um lado, alguns sinais de calma são muito facilmente confundidos, como ranger os dentes, virar as costas ou bocejar, outros são fáceis de identificar: falamos de mostrar os dentes, rosnar ou latir. Se um cachorro o avisa, não o ignore, pare de fazer aquilo que está incomodando o pet.

É importante que você consiga interpretar a linguagem do cachorro e os sinais que ele lhe transmite.

10 conselhos para evitar mordida de cachorro - 7. Preste atenção aos sinais de aviso

8. Não se ultrapasse

Existem muitos cachorros que sofrem de dor, desconforto ou que, simplesmente, não estão acostumados a serem manipulados. Nestes casos será melhor evitar tocar certas partes do corpo que possam fazer com que o cachorro se sinta incomodado.

Alguns exemplos poderiam ser tocar no quadril de um cachorro idoso, meter os dedos na boca, orelhas ou nariz, puxar a cauda ou mexer num emaranhado de pelos. Especialmente se o cachorro não é seu, o melhor é ser pouco invasivo e previsível.

9. Nunca incomode ou maltrate um cachorro

Se você decidir incomodar ou tratar mal um cachorro, especialmente um desconhecido, se prepare para receber um aviso, ou no pior dos casos, uma mordida considerável.

Quando os cachorros se deparam com algo que não gostam, têm duas opções: fugir, ficar quietos, avisar ou atacar e, se estivermos na presença de cachorros com pouco autocontrole, cachorros que já tenham mordido antes ou que tenham muita confiança neles mesmos, a resposta mais provável será a última. Evite interromper os cachorros quando eles estão dormindo, se alimentando ou protegendo algum objeto (brinquedo, osso, etc).

10 conselhos para evitar mordida de cachorro - 9. Nunca incomode ou maltrate um cachorro

10. Se parece que um cachorro o vai atacar...

Se um cachorro ladra e mostra sinais de agressividade, o mais provável é que unicamente pense em sair correndo com toda a pressa, mas nem sempre isso é uma boa ideia: o cachorro vai sempre correr mais que você.

Nestes casos o melhor será ficar quieto, com os braços junto ao corpo e evite olhar o cachorro nos olhos. Para a maioria dos cachorros isto indica que você não é uma ameaça. Quando ele deixar de rosnar, será o momento de começar a se afastar lentamente, sem olhar para ele nem virar as costas.

Esperamos que as dicas de como evitar a mordida do cachorro ajudem a não ser mordido no futuro! Você tem mais alguma dica? Escreva os seus truques nos comentários!

Se deseja ler mais artigos parecidos a 10 conselhos para evitar mordida de cachorro, recomendamos-lhe que entre na nossa seção de Curiosidades do mundo animal.

Escrever comentário sobre 10 conselhos para evitar mordida de cachorro

Adicione uma imagen
Clique para adicionar uma foto relacionada com o comentário
O que lhe pareceu o artigo?

10 conselhos para evitar mordida de cachorro
1 de 6
10 conselhos para evitar mordida de cachorro

Voltar ao topo da página